Eduardo Bolsonaro

Político brasileiro
Doutora em Estudos da Cultura

Biografia de Eduardo Bolsonaro

Eduardo Nantes Bolsonaro (1984) é um político brasileiro. Filho caçula do atual presidente Jair Bolsonaro, ele ganhou reconhecimento graças ao pai.

Eduardo Bolsonaro nasceu no Rio de Janeiro no dia 10 de julho de 1984.

Infância

Filho do casal Jair Messias Bolsonaro e Rogéria Nantes Braga Bolsonaro, Eduardo é o caçula dos três irmãos. Seus irmãos mais velhos são Flávio Bolsonaro e Carlos Bolsonaro. 

Família Bolsonaro
Família Bolsonaro: o pai (Jair), com os filhos (Flávio, Carlos e Eduardo)

A família foi criada na região da Tijuca, bairro tradicional da Zona Norte do Rio de Janeiro. 

Toda a formação escolar de Eduardo aconteceu em colégios particulares (no Pallas e no Colégio Batista Brasileiro).

Formação universitária

Eduardo Bolsonaro é formado em Direito pela Universidade Federal do Rio de Janeiro.

O político fez um Intercâmbio Work Experience, World Study entre 2004 e 2005 e também um intercâmbio relacionado ao curso de Direito na Universidade de Coimbra em 2006.

Ocupação profissional antes de ingressar na política

Eduardo Bolsonaro foi escrivão de polícia federal em Rondônia (2010), em Guarulhos (2010-2011), em São Paulo (2011-2014) e em Angra dos Reis (2014-2015).

Carreira política

Filiado ao PSL (Partido Social Liberal) de São Paulo, Eduardo foi eleito deputado federal pelo Estado de São Paulo para cumprir o mandato de 2015 a 2019. Foi reeleito para o cargo ficando encarregado do mandato de 2019 a 2023.

Nessa segunda ocasião, foi eleito o deputado federal mais votado da história do país com quase dois milhões de votos (foram precisamente 1.843.735 votos). 

Eduardo Bolsonaro partilha as mesmas opiniões polêmicas do pai, como, por exemplo, a proibição do casamento gay e a apologia à ditadura militar:

"Não é saudável para uma criança crescer com o exemplo de dois pais ou duas mães, pois ela tende a seguir o mesmo caminho."

"Se os guerrilheiros que quiseram tomar o poder sofreram tortura, isso deve ter sido necessário. Nesses casos, não dá para pedir licença."

Cargo de embaixador nos Estados Unidos

Em julho de 2019, o presidente Jair Bolsonaro deixou clara a intenção de indicar o filho Eduardo Bolsonaro para chefiar a embaixada do Brasil nos Estados Unidos. 

O cargo diplomático mais importante do país precisa ser ocupado por um candidato maior de 35 anos e com uma biografia compatível com a responsabilidade a ser exercida.

Apesar de ter uma biografia aparentemente incompatível com o cargo, o deputado completou 35 anos em julho, o que o habilita para a vaga. O Senado ainda precisa aprovar a decisão. 

Vida Pessoal

No dia 25 de maio de 2019, o político se casou com a psicóloga Heloísa Wolf no Rio de Janeiro.

Eduardo Bolsonaro e Heloísa Wolf
Eduardo Bolsonaro e Heloísa Wolf

Em termos religiosos, Eduardo Bolsonaro é evangélico e frequenta a Igreja Batista.

Veja também as biografias de:
  • Jair Bolsonaro (1955) é capitão da reserva do Exército e presidente eleito do...
  • Deodoro da Fonseca (Marechal) (1827-1892) foi um político e militar brasileir...
  • Tancredo Neves (1910-1985) foi político brasileiro. Eleito presidente do Bras...
  • Rui Barbosa (1849-1923) foi um político, diplomata, advogado e jurista brasil...
  • Joaquim Nabuco (1849-1910) foi um político, diplomata, advogado e historiador...
  • Jânio Quadros (1917-1992) foi um político brasileiro. Foi presidente do Brasi...
  • João Pessoa (1878-1930) foi um político brasileiro. Candidato à vice-presiden...
  • Eduardo Campos (1965-2014) foi um político brasileiro. Governador do Estado d...
  • Aécio Neves (1960) é político e economista brasileiro. Foi deputado federal,...
  • Fernando Collor (1949) é um político brasileiro. Foi o primeiro presidente el...

Última atualização: 29/07/2019

Rebeca Fuks
Doutora em Estudos da Cultura
Formada em Letras pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (2010), mestre em Literatura pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2013) e doutora em Estudos de Cultura pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro e pela Universidade Católica Portuguesa de Lisboa (2018).