Milan Kundera

Escritor tcheco

Biografia de Milan Kundera

Milan Kundera (1929) é um escritor tcheco, naturalizado francês. Autor de importantes obras, como A Brincadeira, O Livro do Riso e do Esquecimento e A Insustentável Leveza do Ser, que o levaram a se tornar um dos mais consagrados escritores do século XX.

Milan Kundera nasceu em Brno, antiga Tchecoslováquia, atual República Tcheca, no dia 1 de abril de 1929. Filho de Ludvik Kundera pianista, musicólogo e diretor da Academia de Brno, com quem aprendeu a tocar piano. Mais tarde, estudou música e composição musical, sendo numerosas as influências e referências ao vocabulário da música em sua obra literária.

Escreveu seus primeiros poemas ainda no ensino médio. Ingressou na Charles University de Praga, onde estudou literatura e estética, mas depois de dois semestres transferiu-se para a Faculdade de Cinema na Academia de Praga. Em 1948 filiou-se ao Partido Comunista, mas em 1950 foi expulso por supostas atividades contra o partido. Após se formar em 1952, tornou-se assistente e depois professor de História do Cinema na Academia de Musica e Arte Dramática. Mais tarde, lecionou no Instituto de Estudos Cinematográficos de Praga.

Ao longo dos anos 50, Kundera trabalhou como tradutor, escreveu poemas, ensaios e peças de teatro. Seus primeiros trabalhos poéticos foram pró-comunistas. Em 1953 publicou seu primeiro livro de poesias “Men, a Wide Garden”. Em 1955 publica “O Último Maio”, uma antologia poética em homenagem ao líder da resistência anticomunista Julius Fucik. Em 1956, torna-se novamente membro do Partido Comunista.

Em 1967 publicou “A Brincadeira”, uma sátira ao stalinismo. Nesse mesmo ano, casa-se com Vera Hrabankova e no ano seguinte, se envolve com os acontecimentos da “Primavera de Praga”, movimento que pretendia “humanizar” o Partido Comunista em seu país. Em agosto do mesmo ano, a Tchecoslováquia foi invadida pelo exército soviético em uma tentativa de reprimir o movimento reformista.

Exílio na França

Milan Kundera resistiu ainda alguns anos tentando organizar um levante para fazer frente ao totalitarismo da União Soviética, mas perde seu cargo de professor e seus livros foram retirados de circulação. Em 1970 é definitivamente expulso do Partido. Em 1975 emigra para a França, onde passa a lecionar literatura na Universidade de Rennes. Em 1979, publica “O Livro do Riso e do Esquecimento”, o primeiro romance escrito na França, onde o autor lança um olhar amargo sobre o cotidiano da República Tcheca após a invasão russa. Em 1980, passa a lecionar na Ecole des Hautes Études de Paris. Em 1981 ganha a cidadania francesa.

Em 1984, Kundera publicou “A Insustentável Leveza do Ser”, considerada sua obra principal, que relata a história de quatro personagens que vivem o clima da tensão política em Praga com a invasão russa de 1968. Em 1888, “A Insustentável Leveza do Ser” foi adaptada para o cinema, pelo diretor Philip Kaufman, com Daniel Day-Lewis, Juliette Binoche e Lena Olin no elenco. O filme recebeu duas indicações ao Oscar.

Milan Kundera recebeu diversos prêmios, entre eles: Prêmio da União dos Escritores Tchecos (1968) com a obra “Brincadeira”, Prêmio Médicis de Melhor Novela Estrangeira (1973) com “A Vida Está em Outro Lugar”, Prêmio Common Wealth Pelo Conjunto da Obra (1981), Prêmio Europa de Literatura (1982), Prêmio Jerusalém (1985) pela liberdade do indivíduo e Grande Prêmio de Literatura da Academia Francesa Pelo Conjunto da Obra (2001). Em 2006, sua obra “A Insustentável Leveza do Ser” foi publicada pela primeira vez em seu país natal. Em 2007 foi homenageado com o Prêmio Nacional Tcheco de Literatura, mas alegando problemas de saúde, não esteve presente no dia da premiação.

Obras de Milan Kundera

  • Man, a Wide Garden (1953)
  • O Último Maio (1955)
  • Monólogos (1957)
  • A Brincadeira (1967)
  • Risíveis Amores (1968)
  • A Vida Está em Outro Lugar (1969)
  • A Valsa do Adeus (1976)
  • O Livro do Riso e do Esquecimento (1979)
  • A Insustentável Leveza do Ser (1984)
  • A Imortalidade (1990)
  • Os Testamentos Traídos (1993)
  • A Lentidão (1994)
  • A Identidade (1998)
  • A Ignorância (2000)
  • Um Encontro (2009)
  • A Festa da Insignificância (2013)
Veja também as biografias de:
  • Franz Kafka (1883-1924) foi escritor tcheco, de língua alemã, considerado um...
  • Monteiro Lobato (1882-1948) foi escritor e editor brasileiro. "O Sítio do Pic...
  • Lima Barreto (1881-1922) foi um escritor e jornalista brasileiro. Produziu um...
  • Ariano Suassuna (1927 - 2014) foi um escritor brasileiro. O Auto da Compadeci...
  • Graciliano Ramos (1892-1953) foi um escritor brasileiro. O romance "Vidas Sec...
  • Aluísio Azevedo (1875-1913) foi um escritor brasileiro. "O Mulato" foi o roma...
  • Oswald de Andrade (1890-1954) foi escritor brasileiro. Fundou junto com Tarsi...
  • Mário de Andrade (1893-1945) foi um escritor brasileiro. Publicou "Pauliceia...
  • Jorge Amado (1912-2001) foi um escritor brasileiro. O romance "Gabriela Cravo...
  • Euclides da Cunha (1866-1909) foi um escritor brasileiro, autor da obra "Os S...

Última atualização: 20/02/2018