Hermeto Pascoal

Músico brasileiro
Por Dilva Frazão

Biografia de Hermeto Pascoal

Hermeto Pascoal (1939) é um compositor, arranjador e instrumentista brasileiro. Os experimentalismos surreais sempre foram sua marca. Suas composições mesclam ritmos regionais com o forró e baião ao jazz americano. Em 2018 foi premiado com o Grammy de Melhor Disco de Jazz Latino.

Hermeto Pascoal nasceu em Lagoa da Canoa, município de Arapiraca, Alagoas, no dia 22 de junho de 1936. Filho de um sanfoneiro desde cedo despertou o gosto pela música e pelos sons da natureza. Ainda adolescente, tocava sanfona, junto com seu irmão José Neto, nas festinhas de sua cidade.

Início da carreira

Em 1950, com 14 anos, Hermeto deixou Alagoas para seguir carreira no Recife. Com a destreza que tocava sanfona, passou a trabalhar na Rádio Tamandaré.

A amizade que fez com o sanfoneiro Sivuca (1930-2006) e a semelhança – ambos albinos – lhe valeu o apelido de “Sivuquinha”.

Hermeto, José Neto e Sivuca formaram um trio de sanfoneiros. Hermeto que tocava sanfona de 8 baixos se recusou a tocar pandeiro a pedido do diretor da Radio Jornal. Foi então mandado para a Rádio Difusora de Caruaru.

Em 1954, retornou ao Recife e começou a aprender piano. Convidado pelo guitarrista Heraldo do Monte passou a tocar em uma boate da cidade. Em 1957, Hermeto Pascoal mudou-se para João Pessoa para integrar a Orquestra Tabajara.

No ano seguinte, Hermeto seguiu para o Rio de Janeiro onde passou a tocar acordeão em um conjunto regional da Rádio Mauá. Nessa mesma época, tocava piano no conjunto do violonista Fafá Lemos.

Em 1964, Humberto mudou-se para São Paulo, aprendeu a tocar flauta e integrou diversos conjuntos que se apresentavam em casas noturnas.

Em 1964, junto com o guitarrista Heraldo do Monte, do baixista e violonista Théo de Barros e do percussionista Airton Moreira, criou o “Quarteto Novo”.

Em 1967 o grupo acompanhou o cantor Edu Lobo em sua apresentação no 3º festival da MPB da TV Record, com a música Ponteio, vencedora do festival. Ainda em 1967, acompanharam a turnê do cantor Geraldo Vandré e lançaram o disco “Quarteto Novo”.

Temporada nos Estados Unidos

Em 1969, Airton Moreira o levou para os Estados Unidos, quando Hermeto gravou com Moreira e a mulher dele, a cantora Flora Purim, o disco “Hermeto” (1970).

hermeto pascoal

Em 1971, o trompetista americano Miles Davis gravou as músicas “Capelinha” e “Nem Um Talvez”, sem dar os créditos ao Hermeto, que contemporizando disse: “Ele era rico, não acredito que tenha se aproveitado de mim”.

Primeiro disco solo no Brasil

De volta ao Brasil, Hermeto gravou seu primeiro disco solo no país, “A Música Livre de Hermeto Pascoal” (1973).

Em 1976 retornou aos Estados Unidos, quando gravou o disco “Slaves Mass” (1977), que traz uma homenagem ao saxofonista Cannonbal Adderly (1922-1975).

Em 1977 criou um grupo fixo. Em 1979 apresentou-se no lendário festival de jazz em Montreux, na Suíça, e com o grupo e foi ovacionado. Em seguida, acompanhou, no piano, a apresentação da cantora Elis Regina (1945-1982).

hermeto pascoal

Década de 80

Na década de 80, Hermeto realizou diversos espetáculos no Brasil e no exterior, e lançou os discos:

  • Cérebro Magnético (1980)
  • Hermeto Pascoal & Grupo (1983)
  • Lagoa da Canoa (1985)
  • Brasil Universo (1986)
  • Só Não Toca Quem Não Quer (1987)
  • Hermeto Solo – Por Diversos Caminhos (1988)

Década de 90

No início da década de 90, Hermeto lançou o disco, Festa dos Deuses (1992). Depois do lançamento do disco, Hermeto viajou para a Europa para uma série de apresentações na Alemanha, Suíça, Dinamarca, Inglaterra e Portugal.

Em 1995, Hermeto e seu grupo foram para a argentina, onde se apresentou para duas mil pessoas.

Entre junho de 1996 e junho de 1997, Hermeto registrou uma música por dia no Calendário do Som. As 368 partituras manuscritas por Hermeto foram digitalizadas e publicadas em livro com 444 páginas, lançado em 1999.

Nesse mesmo ano, Hermeto lançou o disco Eu e Elas (1999) que foi produzido por seu filho, Fábio Pascoal, quando Hermeto toca todos os instrumentos.

Anos 2000

Em 2002, Hermeto Pascoal conhece a cantora gaúcha Aline Moreira e a convida para se apresentar com seu grupo em Maringá. Em 2003,  lançou o disco Mundo Verde Esperança também produzido por seu filho.

Em 2004 se apresentou no SESC da Vila Mariana com a sua mais nova formação o dueto “Chimarrão com Rapadura”, formado por Hermeto e Aline Moreira.  Nesse mesmo ano, se apresentou em Londres, e em seguida foi para Tóquio e Quioto.

Em 2006 lançou o CD e o DVD “Chimarrão com Rapadura” com Aline, além de realizar uma turnê pela Europa, junto com seu grupo.

Em 2010 lançou o CD intitulado, “Bodas de Latão”, junto com Aline, comemorando sete anos de união do casal. Em 2018 lançou o CD duplo “No Mundo dos Sonhos”, e me 2018, Hermeto lançou “Natureza Universal – Hermeto Pascoal e Big Band”. Nesse mesmo ano, recebeu o Grammy de Melhor Disco de Jazz Latino.

Última atualização: 07/08/2020

Dilva Frazão
Possui bacharelado em Biblioteconomia pela UFPE e é professora do ensino fundamental. Desde 2008 trabalha na redação e revisão de conteúdos educativos para a web.
Veja também as biografias de:
  • Luiz Gonzaga (1912-1989) foi um músico brasileiro. Sanfoneiro, cantor e compo...
  • Caetano Veloso (1942) é um músico brasileiro, um dos criadores do movimento t...
  • Renato Russo (1960-1996) foi um músico brasileiro, cantor e compositor da ban...
  • Gilberto Gil (1942) é um músico brasileiro, um dos criadores do Movimento Tro...
  • Raul Seixas (1045-1989) foi um músico, compositor e cantor brasileiro, consid...
  • Toquinho (1946) é um cantor, compositor e violonista brasileiro. É conhecido...
  • Pixinguinha (1897-1973) foi músico brasileiro, autor da música "Carinhoso". É...
  • Dominguinhos (1941-2013) foi músico brasileiro. Cantor, sanfoneiro e composit...
  • Tim Maia (1942-1998) foi um cantor e compositor brasileiro que fez sucesso co...
  • João Gilberto (1931-2019) foi um cantor, compositor e violonista brasileiro,...