João Gilberto

Músico brasileiro

Biografia de João Gilberto

João Gilberto (1931-2019) foi um cantor, compositor e violonista brasileiro, considerado o criador da Bossa Nova, o novo movimento da música popular brasileira que surgiu no fim dos anos 50.

Infância e juventude

João Gilberto de Prado Pereira de Oliveira nasceu em Juazeiro, Bahia, no dia 10 de junho de 1931.

De família de músicos, ainda adolescente formou o grupo musical Enamorados do Ritmo. Com 18 anos, mudou-se para Salvador e tornou-se crooner da Rádio Sociedade da Bahia.

Início da carreira

Em 1950, João Gilberto mudou-se para o Rio de Janeiro, onde fez parte do conjunto Garotos da Lua, que se apresentava na Rádio Tupi. Com o grupo gravou dois discos, mas por indisciplina foi expulso da banda.

Passou alguns anos dedicando-se ao estudo do violão. Em 1958, fez participação como violonista no disco de Elizete Cardoso, com canções de Tom Jobim e Vinícius de Morais.

Em março de 1959, a gravadora Odeon lançou o disco Chega de Saudade, onde João Gilberto abriu um novo caminho para a música popular - era a Bossa Nova, que o acompanhamento do violão possuía uma batida e uma harmonia diferentes. O álbum encontra-se disponível na íntegra:

A faixa título composta por Tom Jobim lançou não só a carreira de João Gilberto, mas um novo estilo musical e principalmente toda uma geração de novos compositores, letristas e instrumentistas.

Em 1960, lançou O Amor, o Sorriso e a Flor, com destaque para a música Samba de Uma Nota Só. Nesse mesmo ano, nasceu seu filho João Marcelo, de seu casamento com a cantora Astrud Gilberto.

A carreira internacional

Em 1961, lançou João Gilberto, onde se destacou O Barquinho. Nesse mesmo ano, foi lançado no mercado norte-americano o disco Brazil’s Brilliant João Gilberto.

Em 1962, no show O Encontro, dividiu o palco com Vinicius de Morais, Tom Jobim e o grupo vocal Os Cariocas. Apresentou-se nos Estados Unidos no Festival de Bossa Nova, no Carnegie Hall de Nova York. Fixa residência na cidade e lança o álbum The Boss of the Bossa Nova.

Em 1963, João Gilberto grava com o músico Stan Getz o disco Getz/Gilberto, lançado no ano seguinte e que tornou-se um marco, consagrado com a música Garota de Ipanema. Nessa época, realizou apresentações na Itália e no Canadá.

Em 1965, o artista recebeu o Grammy (Best Álbum) pelo disco Getz/Gilberto.

João Gilberto chegou a receber um Grammy em 1965 na categoria Melhor Álbum
João Gilberto chegou a receber um Grammy em 1965 na categoria Melhor Álbum

Nesse mesmo ano, separado de Astrud, casa-se com a cantora Miúcha, e se apresenta no programa O Fino da Bossa, da TV Record. No ano seguinte, nasce sua filha Bebel Gilberto.

Em 1969, viajou para o México, onde residiu durante dois anos. Participou de festivais de jazz em Guadalajara, Cidade do México e Puebla. Fez vários shows e recebeu o troféu Chimal. No ano seguinte, lançou o LP João Gilberto em México.

Em 1971, participou do especial realizado pela TV Tupi, ao lado de Caetano Veloso e Gal Costa. De volta à Nova York, realizou com Stan Getz, uma temporada no Rainbow Grill.

O regresso ao Brasil

Depois de várias apresentações e gravações, em 1980, voltou a residir no Brasil, fixando-se no Rio de Janeiro. Nesse mesmo ano grava o especial João Gilberto Prado Pereira de Oliveira, que contou com a participação de Bebel Gilberto e Rita Lee.

Em 1986, se apresentou no Festival de Montreux, na Suíça. Sua participação foi gravada e lançada no CD duplo Live at the Montreux Festival. Em 1987, recebeu do governo brasileiro a Ordem do Mérito Judiciário do Trabalho, no grau de Comendador.

João Gilberto continuou com suas apresentações no Brasil e fora do país. Em 1994, apresentou-se no Palace de São Paulo, tendo como convidada a sua filha Bebel Gilberto, gravando ao vivo para o CD Eu Sei Que Vou Te Amar.

Os últimos lançamentos de João Gilberto foram: João, Voz e Violão (2000), que recebeu o Grammy na categoria Best World Music Álbum, e o CD João Gilberto in Tokyo (2004). Depois de longo período fora dos palcos, em 2008 apresentou-se no Teatro Municipal do Rio de Janeiro, celebrando 50 anos da Bossa Nova.

João Gilberto viveu seus últimos anos em um apartamento no Leblon, Rio de Janeiro. Sua filha mais nova é Luísa Carolina Gilberto, filha de sua empresária Cláudia Faissol.

João Gilberto faleceu no Leblon, Rio de Janeiro, no dia 6 de julho de 2019.

Interessante a biografia de João Gilberto, não acha? Agora experimente ler também o artigo: Desvende as biografias dos grandes nomes da Bossa Nova

Veja também as biografias de:
  • Luiz Gonzaga (1912-1989) foi um músico brasileiro. Sanfoneiro, cantor e compo...
  • Caetano Veloso (1942) é um músico brasileiro, um dos criadores do movimento t...
  • Renato Russo (1960-1996) foi um músico brasileiro, cantor e compositor da ban...
  • Raul Seixas (1045-1989) foi um músico, compositor e cantor brasileiro, consid...
  • Gilberto Gil (1942) é um músico brasileiro, um dos criadores do Movimento Tro...
  • Toquinho (1946) é um cantor, compositor e violonista brasileiro. É conhecido...
  • Pixinguinha (1897-1973) foi músico brasileiro, autor da música "Carinhoso". É...
  • Dominguinhos (1941-2013) foi músico brasileiro. Cantor, sanfoneiro e composit...
  • Tim Maia (1942-1998) foi um cantor e compositor brasileiro que fez sucesso co...
  • Capiba (1904-1997) foi um músico brasileiro. Autor de Maria Betânia, lançada...

Última atualização: 15/07/2019

Dilva Frazão
Possui bacharelado em Biblioteconomia pela UFPE e é professora do ensino fundamental. Desde 2008 trabalha na redação e revisão de conteúdos educativos para a web.