Pelé

Ex-jogador brasileiro de futebol
Por Dilva Frazão
Biblioteconomista e professora

Biografia de Pelé

Pelé (1940) é um ex-jogador brasileiro de futebol. Conhecido como "Rei Pelé", encantou o mundo com seus dribles e passes. Foi designado o Embaixador Mundial do Futebol. Foi eleito o "Atleta do Século". Levou o Santos Futebol Clube, onde atuou por mais de duas décadas, a ganhar mais de quarenta títulos.

Pelé foi artilheiro do campeonato paulista, ganhou o título 11 vezes, onde 9 foram consecutivas. Foi artilheiro da Taça Brasil, da Taça Libertadores e do Torneio Rio São Paulo. Fez sua estreia na Seleção Brasileira com apenas 17 anos, incompletos, onde só se despediu em 1971. Jogou no New York Cosmos de 1975 a 1977. Foi Ministro dos Esportes entre os anos de 1995 e 1998.

Infância

Edson Arantes do Nascimento, conhecido como Pelé, nasceu na cidade de Três Corações, em Minas Gerais, no dia 23 de outubro de 1940. Filho de João Ramos do Nascimento (Dondinho), também jogador de futebol e de Celeste Arantes.

Desde pequeno Pelé gostava de futebol e jogava com uma bola de pano. Em 1944 mudou-se com a família para a cidade de Bauru em São Paulo.

Início da Carreira

Com 10 anos, Pelé começou a carreira de jogador de futebol no infanto-juvenil do Bauru Atlético Clube, em São Paulo, onde conquistou o bicampeonato em 1954 e 1955.

Santos Futebol Clube

Ainda em 1956, Pelé foi levado para treinar no Santos F.C., pelo também jogador, Waldemar de Brito. Em jogo treino, Pelé fez quatro gols, onde seu time ganhou de 6 a 1.

Sua primeira partida oficial foi no dia 7 de setembro de 1956, em um jogo amistoso entre Santos e Corinthians. O resultado foi de 7 a 1 para o Santos, com dois gols de Pelé.

Pelé

Na contagem de 1000 gols da carreira, este foi o primeiro oficializado. Pelé levou o Santos a conquistar muitos títulos. Em 1974 fez o seu último jogo com a camisa do Santos.

Títulos conquistados no Santos

  • Bicampeão da Taça Libertadores da América (1962 e 1963)
  • Bicampeão Mundial de Interclubes (1962 e 1963)
  • Campeão da Taça de Prata (1968)
  • Cinco vezes campeão da Taça Brasil (1961, 62, 63, 64 e 65)
  • Quatro vezes campeão do Torneio Roberto Gomes Pedrosa/Rio-São Paulo (1959. 1963,1964 e 1966)
  • 25 títulos de torneios no exterior:

Seleção Brasileira

Pelé fez sua estreia na seleção brasileira no dia 7 de julho de 1957, com 16 anos, na Copa Rocca, no jogo contra a Argentina, no Estádio do Maracanã no Rio de Janeiro, onde marcou seu “primeiro gol pela seleção”, porém o Brasil perdeu por 2 a 1.

Em 1958, na Copa do Mundo na Suécia, Pelé começou a usar a camisa n.º 10, que se tornou sua marca. Nos dois primeiros jogos ele ficou na reserva, só vindo a jogar na terceira partida, contra a União Soviética.

Pelé

Na partida, Garrincha marcou o primeiro gol e Pelé deu assistência ao segundo gol de Vavá. No jogo seguinte, Pelé marcou o segundo gol na vitória sobre a Inglaterra, conquistando o seu primeiro gol na Copa.

No jogo final contra a França, no dia 29 de junho, Pelé marcou dois gols quando o Brasil foi campeão mundial vencendo a Suécia por 5 a 2. Pelé tornou-se o jogador mais jovem a conquistar uma Copa do Mundo.

Na Copa do Mundo de 1962, no Chile, Pelé já era considerado o melhor jogador do mundo. Na primeira partida contra o México, Pelé foi fundamental na vitória por 2 a 0.

 No jogo seguinte, contra a Tchecoslováquia, Pelé sofreu uma distensão muscular e ficou fora da equipe. Quem brilhou no seu lugar foi o jogador Garrincha, quando o Brasil conquistou a segunda Copa do Mundo.

Na Copa do Mundo de 1966 na Inglaterra, embora o Brasil estivesse formado com um time de grandes jogadores como Pelé, Garrincha, Gilmar, Djalma Santos, Jairzinho, Gérson e Tostão, disputou apenas três partidas, sendo eliminado na primeira rodada.

Na Copa do Mundo de 1970 no México, sob o comando do técnico Zagallo, o Brasil jogou seis partidas e conquistou seis vitórias. O Rei Pelé marcou quatro gols e protagonizou alguns dos lances mais bonitos da história do futebol.

Pelé

Na final, Brasil e Itália entraram em campo na disputa pelo tricampeonato mundial e consequentemente a posse definitiva da Taça Jules Rimet. Em uma cabeçada, Pelé abriu o placar.

Em seguida, a Itália empatou. No segundo tempo, Gérson fez 2 a 1, Jairzinho fez 3 a 1 e Carlos Alberto, em uma bola rolada por Pelé, fez 4 a 1, conquistando o tricampeonato e definitivamente a Taça Jules Rimet.

Em 1971, Pelé decidiu se aposentar da Seleção Brasileira e sua despedida se fez em dois jogos. A primeira partida foi realizada em 11 de julho, contra a Áustria, no Estádio do Morumbi, São Paulo, que terminou empatada em 1 a 1.

A segunda partida foi no Estádio do Maracanã em 18 de julho, contra a Iugoslávia, com o placar de 2 a 2. Pelé que atuou apenas no primeiro tempo, deu a volta olímpica no intervalo da partida.

New York Cosmos

Pelé jogou também no New York Cosmos no período de 1975 a 1977 ano em que conquistou o Campeonato da Liga Americana – NASL. A última partida pelo time americano foi no Giants Stadium em 1 de outubro de 1977. Foi eleito presidente honorário do New York Cosmos.

Número de Gols de Pelé

Santos

  • De 1965 a 1974 - 1144 jogos – 1124 gols

Seleção Brasileira

  • De 1957 a 1971 - 114 jogos – 95 gols

Cosmos

  • De 1975 a 1977 – 108 jogos – 63 gols

Pelé totalizou 1282 gols em sua carreira, conquistado em 1366 partidas oficiais. O milésimo gol de Pelé, que entrou para a história, foi marcado no Maracanã, no dia 19 de novembro de 1969, na cobrança de um pênalti, no jogo entre Santos e Vasco.

Aposentadoria

Pelé aposentou-se do futebol no ano de 1977, quando jogava no Cosmos. Em 1994 foi nomeado Embaixador da Boa Vontade da UNESCO. Em 1995 foi nomeado Ministro do Esporte no governo de Fernando Henrique Cardoso, cargo que exerceu até 1998.

Durante esse período, Pelé criou uma lei que, entre outras medidas, visava dar maior transparência e profissionalismo ao esporte, que ficou conhecida como “Lei Pelé”.

Prêmios Individuais

  • Bola de Prata, Copa do Mundo, 1958
  • Chuteira de Prata, Copa do Mundo, 1958
  • Atleta do Século, pelo jornal L'Equipe, 1981.
  • Sir-Cavaleiro Honorário do Império Britânico, Rainha Elizabeth II, 1997
  • Futebolista do século, UNICEF, 1999
  • Melhor Jogador do Século, FIFA, 2000.

Vida Pessoal

Pelé foi casado com Rosemeri dos Reis Cholbi entre 1966 e 1980. O casal teve três filhos: Kelly Cristina, Jennifer e Edinho, que também se tornou jogador de futebol.

Em 1990 começou o namoro com Assíria Nascimento, com quem se casou em 1994 e tiveram filhos gêmeos, Joshua e Celeste. O casal se separou em 2008.

Em 2016 casou-se com a empresária Márcia Cibele Aoki, com quem namorava desde 2010.

O jogador teve duas filhas fora do casamento, Sandra Regina Machado, que faleceu em 2006, e Flávia Kutz. Ambas só conseguiram reconhecimento da paternidade através dos tribunais.

Saúde

Em 2012 Pelé se submeteu a uma cirurgia nos Quadris. Passou ainda por mais duas cirurgias, uma em 2015 e outra em 2017. Com dificuldades para andar, passou a se locomover em uma cadeira de rodas.

Em 2018, esteve em Moscou para o sorteio da Copa do Mundo da Rússia, quando foi fotografado ao lado de Vladimir Putin e Diego Maradona.

No dia 2 de abril de 2019, depois de se encontrar com Mbappé, jogador do PSG, Pelé foi internado em um hospital em Paris. Ao receber alta, Pelé retornou ao Brasil e foi internado no hospital Albert Einstein, em São Paulo, com infeção urinária.

Recuperado, e morando no Guarujá, litoral de São Paulo, Pelé segue a quarentena por causa do coronavírus.

80 anos de vida

No dia 23 de outubro de 2020, ao completar 80 anos, Pelé declarou:

“Agradeço a todos os que me mandaram cumprimentos. Agradeço a Deus pela saúde de chegar aqui lúcido. Em todos os lugares do mundo em que chego sou bem recebido, as portas sempre estão abertas no mundo todo. Espero que, quando chegar ao céu, Deus me receba da mesma maneira que todos me recebem hoje graças ao nosso querido futebol”.

Gostou de descobrir a história do craque Pelé? Então que leia também o artigo Conheça a biografia dos jogadores de futebol mais famosos da história.

Dilva Frazão
Biblioteconomista e professora
É bacharel em Biblioteconomia pela UFPE e professora do ensino fundamental.
Veja também as biografias de:
  • Neymar (1992) é um futebolista brasileiro, considerado um dos maiores da hist...
  • Ronaldinho Gaúcho (1980) é jogador de futebol brasileiro, considerado um dos...
  • Garrincha (1933-1983) foi um futebolista brasileiro que marcou seu nome na hi...
  • Kaká (1982) foi um jogador de futebol brasileiro. Ele foi eleito o Melhor Jog...
  • Cafu (1970) foi um importante jogador de futebol brasileiro...
  • Roberto Rivellino (1946) é um famoso jogador de futebol brasileiro que chegou...
  • Zico (1953-) foi jogador de futebol. Faz parte do rol dos melhores jogadores...
  • Zinedine Zidane (1972) é um ex-jogador de futebol, o maior ídolo do futebol f...
  • Sócrates (jogador) Sócrates (1954-2011) foi um dos grandes craques do futebol brasileiro. Foi at...
  • Roberto Carlos (jogador) Roberto Carlos (1973) é um ex-jogador de futebol, um dos maiores laterais da...