Frei Damião

Religioso católico italiano

Biografia de Frei Damião

Frei Damião (1898-1997) foi um religioso católico italiano. Durante 66 anos peregrinou por diversas cidades do Nordeste Brasileiro levando a evangelização. O pedido de canonização do frei foi aberto em 2013.

Frei Damião nasceu em Bozzano, na Província de Lucca, na Itália, no dia 05 de novembro de 1898. Filho dos camponeses italianos Felix e Maria Giannotti teve uma importante formação católica. Foi batizado com o nome de Pio Gionnotti.

Com 10 anos de idade, após ser crismado, começou a externar sua vocação ao sacerdócio. Com 13 anos ingressou no Seráfico de Camigliano, da Ordem dos Frades Menores Capuchinhos. Aos 17 anos recebeu os votos religiosos, passando a ser chamado de Frei Damião de Bozzano.

Frei Damião iniciou o estudo da Filosofia que foi interrompido com sua convocação para o serviço militar durante a Primeira Guerra Mundial.

Em 1920 foi enviado para a Universidade Georgiana de Roma, onde estudou Direito Canônico e Teologia Dogmática.

Em 05 de agosto de 1923, foi ordenado sacerdote na Igreja do Antigo Colégio São Lourenço de Brindisi, em Roma. Em seguida foi nomeado vice mestre de noviços.

Chegada ao Brasil

Em 1931, Frei Damião foi enviado ao Brasil chegando no dia 17 de junho com a missão de evangelizar.

Ao chegar na cidade do Recife instalou-se no Convento de Nossa Senhora da Penha, no centro da cidade. Foi eleito assistente da Custódia Geral dos Capuchinhos de Pernambuco, onde se dedicou às Santas Missões.

Iniciou suas peregrinações no sítio Riacho do Mel, no município de Gravatá, em 05 de abril, logo conquistando a admiração dos católicos da região.

Durante a Segunda Guerra Mundial, Frei Damião permaneceu recluso em um convento na cidade de Maceió, em Alagoas, até 1945.

Peregrinação

Frei Damião dedicou 66 anos de sua vida a peregrinar por diversas cidades do Norte e Nordeste do Brasil pregando o evangelho. Quando chegava a uma cidade era recebido com festa e tratado com carinho, pois todos queriam ouvir suas palavras.

O frei era presença esperada para levar conforto à casa de algum enfermo. Porém afirmava que era apenas um mensageiro de Deus.

Com o passar dos anos, Frei Damião adquiriu uma deformação na coluna que o deixou encurvado, provocando dificuldades na fala e na respiração.

frei damião

Durante muitos anos sofreu de erisipela, devido à má circulação sanguínea Em 1990 sofreu uma embolia pulmonar e reduziu o ritmo de suas caminhadas. Aos poucos, o frei foi diminuindo suas visitas.

Morte

Depois de ser acometido por um AVC, Frei Damião faleceu no Recife, no dia 31 de maio de 1997, após permanecer 19 dias em coma no Real Hospital Português. Seu corpo foi embalsamado e velado na Basílica da Penha, durante três dias.

Após ser velado, Frei Damião foi sepultado no Convento de São Félix de Cantalice, no bairro do Pina, no Recife, preparado para recebê-lo. O local é hoje um ponto de peregrinação dos fieis, principalmente no mês de maio, ano de sua morte.

Processo de canonização

Frei Damião de Bozzano é cultuado como santo durante décadas, mas a Igreja analisa o processo de canonização do frei, que foi aberto em 2013.

No dia 8 de abril de 2019 o Frei Damião foi reconhecido como venerável pelo Papa Francisco, ficando mais perto da beatificação. O processo seguinte é a análise dos milares do frei ocorridos após a sua morte.

Veja também as biografias de:

Última atualização: 03/02/2020

Dilva Frazão
Possui bacharelado em Biblioteconomia pela UFPE e é professora do ensino fundamental. Desde 2008 trabalha na redação e revisão de conteúdos educativos para a web.