Friedrich Engels

Filósofo alemão

Biografia de Friedrich Engels

Friedrich Engels (1820-1895) foi um filósofo social e político alemão. Teve papel de destaque no desenvolvimento do marxismo. Colaborador e amigo de Karl Marx, ele completou os volumes II e III da obra "O Capital", que o autor não pôde concluir.

Infância e Juventude

Friedrich Engels nasceu em Barmen, cidade renana da Prússia, na Alemanha, no dia 28 de novembro de 1820. Filho de rico industrial alemão cursou a escola secundária, mas não chegou a concluí-la, sendo levado pelo pai para trabalhar no escritório de uma empresa de exportação, em Bremen, onde residiu durante três anos. Logo se impressionou com a miséria em que viviam os trabalhadores da fábrica da família.

Em Bremen, Friedrich Engels entrou em contato com os Jovens Alemães, um grupo de escritores liberais e revolucionários, entre eles, o poeta Heinrich Heine. Foi também atraído pelo movimento dos “Jovens Hegelianos” ou “Hegelianos de Esquerda”, criado após a morte do filósofo Hegel, e representado pelo teólogo David Strauss, o historiador e teólogo Bruno Bauer, o anarquista Max Stirner, entre outros, que procuravam tirar conclusões radicais da filosofia de Hegel e fundamentar a necessidade de transformação da burguesia alemã.

Carreira de Jornalista

Usando o pseudônimo de Friedrich Oswald, Engels iniciou sua brilhante carreira de jornalista. Escreveu artigos que facilitaram posteriormente seu ingresso no círculo hegeliano de Berlim, onde criou fama por seus artigos incisivos de ataque à religião. Nessa época, fez amizade com Moses Hess, que o iniciou no comunismo.

Engels e a Classe Trabalhadora na Inglaterra

Entre 1841 e 1842 Engels serviu como voluntário num regimento de artilharia em Berlim. Ainda em 1842 é enviado por seu pai para Manchester, na Inglaterra, para trabalhar na fábrica de linhas de costura. Assume por um tempo a direção da fábrica e ao mesmo tempo que entra em contato com os líderes radicais, estuda a situação social do país. Suas observações dessa época formaram a base para escrever “A Situação da Classe Trabalhadora na Inglaterra”, publicada posteriormente em 1845.

Engels e Marx

Em 1844, durante uma breve permanência em Paris, Engels iniciou a amizade e a colaboração com Marx, que conhecera antes em Colônia. Também natural da Prússia Renana, dois anos mais moço que Marx, Engels era como ele, “hegeliano de esquerda”. São muitas as afinidades e nasce entre eles uma sólida amizade que resultará em uma intensa atividade política, e numerosas obras escritas em comum.

Ainda em 1945, Friedrich Engels publica dois artigos na revista Anais Franco-Alemães, fundada por Marx e Arnold Ruge, porém a revista não passa do primeiro número e também é proibida na Alemanha. Ainda em Paris, Faz contato com grupos de imigrantes alemães e com socialistas franceses e, em 1847, organizou a Liga Comunista, originária da sociedade secreta chamada Liga dos Justos.

Manifesto Comunista

Em 1848, uma onda revolucionária toma conta da Europa. Entre os combatentes consolidava-se o proletariado, que empobrecidos sob os efeitos da Revolução Industrial, formavam uma massa desprovida de projeto político consistente, capaz de alterar sua própria condição. Nesse cenário, foi lançado o “Manifesto Comunista”, escrito por Marx e Engels, que fornecia as bases para a organização proletária.

O Socialismo Científico, idealizado por Marx e Engels, assim denominado porque não procurava construir abstratamente uma sociedade ideal, mas baseando-se na análise das realidades econômicas, da evolução histórica e do capitalismo, formula leis e princípios determinantes da História em direção a uma sociedade sem classe e igualitária.

Exílio

A participação de Engels no fracassado movimento revolucionário de 1848, que teve início na França e se espalhou por diversas cidades da Europa, entre elas Barmen, obrigou Engels a exilar-se da Alemanha. Residiu sucessivamente na Itália, na Suíça e na Inglaterra, onde dirigiu uma empresa têxtil da família, ao mesmo tempo em que colaborava com Marx na estruturação e difusão do movimento comunista.

Propagação das Ideias

Protetor e principal colaborador de Karl Marx, Engels escreveu diversos artigos em jornais, que apareceram primeiro assinados por Marx, mas depois com o nome do seu autor, com o título geral de “Revolução e Contrarrevolução na Alemanha”.

Em 1878, Engels decidiu abandonar definitivamente suas atividades nas empresas da família, para se dedicar à difusão da doutrina comunista em jornais e revista e no contato direto com os dirigentes socialistas dos principais países europeus. Participou também da criação e da organização da “Associação Internacional dos Trabalhadores”.

Nos escritos de Marx e de Friedrich Engels, particularmente em “O Manifesto Comunista”, (1848), “Crítica da Economia Política” (1859) e “O Capital” (1867), os autores criticam a sociedade capitalista e rejeitam o Socialismo Utópico, considerando que a sociedade de cada época é determinada pelas condições econômicas.

Após a morte de Marx, em 1883, Engels se encarregou de completar e publicar o II e o III volumes de “O Capital”, obra que causaria nas décadas seguintes uma revolução na Economia e nas Ciências Sociais. Entre outras obras de Engels destacam-se:

  • A Sagrada Família (1845)
  • Princípios Básicos do Comunismo (1847)
  • A Guerra dos Camponeses Alemães (1850)
  • Do Socialismo Utópico ao Socialismo Científico (1880)
  • A Origem da Família, da Propriedade Privada e do Estado (1884)

Friedrich Engels faleceu em Londres, Inglaterra, no dia 5 de agosto de 1895.

Veja também as biografias de:
  • Immanuel Kant (1724-1804) foi um filósofo alemão, o fundador da Filosofia Cr...
  • Friedrich Hegel (1770-1831) foi um filósofo alemão. Um dos criadores do siste...
  • Martin Heidegger (1889-1976) foi um filósofo alemão da corrente existencialis...
  • Theodor Adorno (1903-1969) foi um filósofo, sociólogo e musicólogo alemão, um...
  • Arthur Schopenhauer (1788-1860) foi um filósofo alemão do século XIX, fez par...
  • Jürgen Habermas (1929) é um filósofo alemão e um dos mais influentes sociólog...
  • Ernst Cassirer (1874-1945) foi um filósofo alemão, considerado um dos mais im...
  • Wilhelm Dilthey (1833-1911) foi um filósofo historicista alemão que deixou im...
  • Karl Marx (1818-1883) foi um filósofo e revolucionário socialista alemão. Cri...
  • Friedrich Nietzsche Friedrich Nietzsche (1844-1900) foi um filósofo e escritor alemão de grande i...

Última atualização: 28/03/2019

Possui bacharelado em Biblioteconomia pela UFPE e é professora do ensino fundamental. Desde 2008 trabalha na redação e revisão de conteúdos educativos para a web.