Roberto Carlos

Cantor e compositor brasileiro
Por Dilva Frazão

Biografia de Roberto Carlos

Roberto Carlos (1941) é um cantor e compositor brasileiro considerado “O Rei” da música romântica. Foi o líder do movimento musical chamado de Jovem Guarda que surgiu nos anos 60.

Roberto Carlos Braga nasceu em Cachoeiro do Itapemirim, Espirito Santo, no dia 19 de abril de 1941. É o quarto filho de relojoeiro Robertino Braga e da costureira Laura Moreira Braga.

Infância e juventude

Com 6 anos de idade, enquanto brincava na linha do trem, Roberto sofreu um grave acidente que resultou na amputação de parte da perna direita.

Roberto Carlos estudou no Conservatório Musical de sua cidade e aos 9 anos era a principal atração da Rádio Cachoeiro, quando imitava o cantor Bob Nelson.

Quando tinha 12 anos, mudou-se com a família para Niterói no Rio de Janeiro, onde começou a frequentar programas de jovens, cantando bolero e samba-canção.

Mais tarde a família mudou-se para o subúrbio de Lins da Vasconcelos, cidade em que ele conheceu o cantor Tim Maia.

Em 1957, com a popularização do rock in roll americano, Roberto Carlos, junto com Tim Maia, Arlênio Lívio e Wellington Oliveira, formam a banda "The Sputniks".

O conjunto participou do programa de Carlos Imperial, na Rádio Tupi, o Clube do Rock, e se saiu muito bem.

Porém, Roberto sonhava em cantar sozinho e iniciou suas apresentações no programa de Imperial. Algum tempo depois, já cantava na boate do Hotel Plazza, imitando João Gilberto.

Decidido a gravar um compacto, Roberto e Imperial foram até a gravadora Copacabana, mas Roberto foi aconselhado a desistir da carreira,

Depois de tentar em várias gravadoras, conseguiu gravar na Polidor, porém vendeu muito pouco e o contrato foi encerrado.

Em 1960, Imperial procurou Roberto Corte Real da gravadora Colúmbia e finalmente em agosto foi lançado o compacto com as músicas: “Canção do Amor Nenhum” e “Brotinho sem Juízo”. Era mais uma abertura para Roberto.

Primeiros sucessos

Algum tempo depois de lançado o compacto, Corte Real chamou Imperial, decidido a mudar o estilo de Roberto e lançá-lo com bolero e música de juventude.

Poucos dias depois, Roberto gravou o compacto com o chá-chá-chá “Louco por Você” e o bolero “Não é Por Mim”, lançado em 1961. Foi o começo do sucesso.

Nesse tempo, Roberto conheceu Erasmo Carlos, que se tornaria o seu maior parceiro musical.

Em 1963, com o lançamento do disco "Splish splash", com as músicas, “Parei na contramão”, "O calhambeque" e "É proibido fumar", Roberto iniciou sua carreira de grande sucesso.

Em setembro de 1965, estreou o programa “Jovem Guarda” que alcançou os maiores índices de audiência, tendo a frente o ídolo Roberto Carlos e ao seu lado, Wanderléa e Erasmo Carlos.

roberto carlos
Roberto Carlos, Wanderléa e Erasmo Carlos

Antes de terminar o ano de 1965, Roberto compôs, junto com Erasmo, aquela que se tornaria seu maior sucesso “Quero que vá tudo pro inferno”.

Apesar de continuar cantando músicas de outros compositores, Roberto Carlos, junto com Erasmo, compôs “Eu te darei o céu”, “Querem acabar comigo”, “Eu estou apaixonado por você” e “Namoradinha de um amigo meu”, que foram as músicas mais tocadas durante o ano de 1966.

Em 1968, Roberto Carlos viajou para San Remo, onde foi participar do famoso Festival da Canção. Depois de conquistar o primeiro lugar, com a música “Canzone per te”, de Sérgio Endrigo, voltou consagrado.

Cinema

Além do programa e dos discos, Roberto estrelou em filmes, inspirados no modelo lançado pelos Beatles nos anos 60. O primeiro longa-metragem foi "Roberto Carlos em Ritmo de Aventura", lançado em 1967.

Em 1970, chegou às telas "Roberto Carlos e o Diamante Cor-de-rosa" e em 1971, "Roberto Carlos a 300 km por Hora".

Romantismo

Nos anos 70, com o esmorecimento do movimento da Jovem Guarda, Roberto mudou seu estilo e tornou-se um cantor e compositor basicamente romântico.

roberto carlos
Roberto Carlos - anos 70

Entre seus grandes sucessos se destacam: "Detalhes" (1971), "Como vai você" (1972), "Falando sério" (1977), "Na paz do seu sorriso" (1979), "Emoções" (1981) e "Fera Ferida" (1982).

Com o sucesso da música "Nossa Senhora" (1993), os seus discos seguintes passaram a ter sempre uma música religiosa.

Desde 1961, Roberto conseguiu a incrível façanha de lançar um disco inédito por ano, interrompido apenas em 1999, por causa da doença de sua esposa, Maria Rita, que viria a falecer. Seus discos são sempre lançados no final do ano, perto das festividades natalinas.

Roberto Carlos se tornou um campeão de vendas. Em 1994 bateu a marca de 70 milhões de discos vendidos. Fez milhares de shows em centenas de cidades, no Brasil e no exterior.

Seu fã-clube é um dos maiores de todo o mundo. Dezenas de artistas já fizeram regravações de suas músicas. Já lançou discos em espanhol e inglês, em diversos países.

Roberto Carlos continua com suas apresentações por vários países, e todo ano produz um especial para a televisão, que vai ao ar na semana do Natal.

Em setembro de 2011, o Rei, Roberto Carlos Braga se apresentou em Jerusalém, com o projeto "Emoções em Jerusalém", onde fez um show e gravou cenas para o especial de final de ano.

Dilva Frazão
Possui bacharelado em Biblioteconomia pela UFPE e é professora do ensino fundamental. Desde 2008 trabalha na redação e revisão de conteúdos educativos para a web.
Veja também as biografias de:
  • Dorival Caymmi (1914-2008) foi um cantor e compositor brasileiro, cantava os...
  • Cazuza (1958-1990) foi um cantor e compositor brasileiro, considerado um dos...
  • Gusttavo Lima (1989) é um cantor, compositor e multi-instrumentista brasileir...
  • Seu Jorge (1970) é um cantor, compositor, instrumentista e ator brasileiro...
  • Adoniran Barbosa (1910-1982) foi cantor e compositor brasileiro. Saudosa Malo...
  • Cartola (1908-1980) foi cantor e compositor brasileiro. "As Rosas Não Falam",...
  • Heitor dos Prazeres (1898-1966) foi um compositor, cantor e artista plástico...
  • Michel Teló (1981) é um cantor e compositor brasileiro, um dos cantores mais...
  • Gonzaguinha (1945) foi um cantor e compositor brasileiro. Autor de grandes su...
  • Zeca Pagodinho (1959) é um cantor e compositor brasileiro de samba e pagode...