Albert Sabin

Médico polonês
Por Dilva Frazão

Biografia de Albert Sabin

Albert Sabin (1906-1993) foi um médico, microbiologista e pesquisador polonês, naturalizado norte-americano, que desenvolveu a vacina oral contra a poliomielite.

Albert Sabin nasceu na cidade de Bialystok, Polônia, então pertencente à Rússia, no dia 26 de agosto de 1906. Em 1921 emigrou com sua família para os Estados Unidos. Mais tarde naturalizou-se norte-americano.

Sabin ingressou no curso de medicina na Universidade de Nova Iorque e desenvolveu um grande interesse pela pesquisa. Em 1931 concluiu o doutorado em medicina, quando começou a pesquisar diversas doenças infecciosas.

Fez residência no hospital Bellevue de Nova Iorque e trabalhou no Instituto Lister de Medicina Preventiva, em Londres.

A poliomielite e a vacina Sabin

A poliomielite, ou paralisia infantil, era uma doença, causada por vírus, que atacava o homem, e afetava o sistema nervoso, causando frequentemente paralisia nos membros inferiores do doente.

A serviço do Instituto Rockefeller de Pesquisas Médicas, foi o primeiro pesquisador a demonstrar o crescimento do vírus da poliomielite em amostras de tecido humano.

Em 1939, Sabin ocupou a cátedra de pediatria da Universidade de Cincinnati e tornou-se o chefe da divisão de doenças infecciosas de uma de suas unidades de pesquisa.

Sabin desmentiu a teoria de que o contágio da poliomielite se dava pelo nariz a apontou como via primária de infecção o trato alimentar.

Sabin defendeu a tese de que a administração por via oral de vírus vivos atenuados proporcionaria, sem aumento dos riscos de contaminação, imunidade mais duradouras contra a poliomielite do que a injeção de vírus mortos, desenvolvida um ano antes por Jonas Salk.

Com a colaboração de cientistas soviéticos, mexicanos e holandeses, fabricou a vacina “Sabin” que foi aceita oficialmente nos Estados Unidos em 1960. Em 1965 tornou-se membro do Instituto Weizmann de Ciência, em Rchovot, Israel.

A vacina eliminou efetivamente a paralisia infantil em quase todo o mundo, com excessão de alguns países da Ásia e da África.

Albert Sabin no Brasil

Albert Sabin esteve várias vezes no Brasil, acompanhando pessoalmente o combate à poliomielite. Em 1967, foi agraciado pelo governo brasileiro com a Grã-Cruz do Mérito Nacional. Em 1972 casou-se com a brasileira Heloisa Dunshee de Abranches.

Outras pesquisas

Durante a Segunda Guerra Mundial, enquanto servia como médico no Exército americano, Alberto Sabin isolou o vírus de uma febre provocada pelo mosquito birigui, epidêmica entre as tropas baseadas na África.

Sabin desenvolveu estudos sobre a dengue, a toxoplasmose, o câncer e a encefalite japonesa. Encerrou suas atividades científicas em 1988.

Albert Sabin faleceu de um ataque cardíaco, em Washington, Estados Unidos, no dia 3 de março de 1993.

Última atualização: 13/04/2020

Dilva Frazão
Possui bacharelado em Biblioteconomia pela UFPE e é professora do ensino fundamental. Desde 2008 trabalha na redação e revisão de conteúdos educativos para a web.
Veja também as biografias de:
  • Nicolau Copérnico (1473-1543) foi um astrônomo, matemático, médico e religios...
  • Zygmunt Bauman (1927-2017) foi um sociólogo, pensador, professor e escritor p...
  • Lázaro Luiz Zamenhof (1859-1917) foi um filólogo e oftalmologista polonês. Fo...
  • Frédéric Chopin , (1810-1849) foi um importante pianista e compositor polonês,...
  • Carlos Chagas (1879-1934) foi um médico sanitarista e pesquisador brasileiro...
  • Alexander Fleming (1881-1955) foi um médico bacteriologista escocês que desco...
  • Hipócrates (460 a.C.-377 a C.) foi um médico grego, considerado o pai da Medi...
  • Cláudio Galeno (129-199) foi um médico grego, um dos mais importantes da Anti...
  • William Harvey (1578-1657) foi um médico inglês. Suas descobertas sobre o fun...
  • Adolfo Lutz (1855-1940) foi médico brasileiro, especialista em medicina tropi...