Chimamanda Ngozi Adichie

Escritora nigeriana
Doutora em Estudos da Cultura

Biografia de Chimamanda Ngozi Adichie

Chimamanda Ngozi Adichie é atualmente uma das maiores vozes da literatura africana, suas obras já foram traduzidas para mais de trinta idiomas.

Chimamanda Ngozi Adichie nasceu em Enugu (Nigéria) no dia 15 de setembro de 1977.

Origem

Chimamanda nasceu em Enugu, na Nigéria, e foi a quinta filha do casal Grace Ifeoma e James Nwoye Adichie - o par teve seis filhos.

James trabalhou na Universidade da Nigéria como professor de Estatística e criou a sua família em Nsukka (também na Nigéria).

A mãe de Chimamanda - Grace - foi a primeira mulher a se registrar na Universidade da Nigéria. 

Os filhos do casal estudaram na escola da Universidade e Chimamanda entrou para o curso de Medicina da mesma instituição de ensino, onde esteve durante um ano e meio. 

Início da carreira

Enquanto cursava Medicina, a jovem editou uma revista chamada The Compass com os colegas de curso. Aos 16 anos, deixou a Nigéria e seguiu rumo aos Estados Unidos onde foi estudar Comunicação na Drexel University (Philadelphia).

Chimamanda esteve na instituição durante dois anos até mudar para a Eastern Connecticut State University para conquistar o diploma de comunicação e ciência política. 

Durante esse período, escreveu uma série de artigos para os jornais universitários. 

Depois de acabar a graduação, fez um mestrado em escrita criativa na Johns Hopkins University, em Baltimore, e estudou História Africana na Yale University.

Sua primeira obra literária - intitulada Purple Hibiscus - foi lançada em outubro de 2003. A partir desse momento, Chimamanda não parou mais de escrever.

Apresentações

Desde o primeiros anos de carreira, Chimamanda vem fazendo aparições e discursos poderosos. Em 2009 apresentou um TED Talk com o título The Danger of A Single Story que foi considerado um dos TED Talk mais assistidos da história.

Em 2012 sua apresentação We Should All Be Feminists começou a ganhar o mundo e se transformou em livro em 2014. Confira esse discurso imperdível apresentado por Chimamanda:

Prêmios

O livro Purple Hibiscus venceu o Prêmio Commonwealth Writers e o Hurston/Wright Legacy Award.

A obra Half of a Yellow Sun recebeu o Orange Broadband Prize for Fiction (2007) e foi finalista do National Book Critics Circle Award. No ano a seguir, Chimamanda recebeu a distinção da MacArthur Foundation Fellowship (2008).

O livro Americanah ganhou o National Book Critics Circle Award e foi considerado pelo New York Times como uma das dez melhores obras de 2013.

Livros publicados

  • Purple Hibiscus (2003)
  • Half of a Yellow Sun (2006)
  • The Thing around Your Neck (2009)
  • Americanah (2013)
  • We Should All Be Feminists (2014)
  • Dear Ijeawele, or a Feminist Manifesto in Fifteen Suggestions (2017)

Vida pessoal

Chimamanda se divide atualmente entre os Estados Unidos e a Nigéria - onde leciona cursos de escrita criativa.

A autora é casada com Ivara Esege e tem uma filha. 

Chimamanda e o marido
Chimamanda e o marido Ivara Esege

Gosta de literatura? Então aproveite também para ler os artigos:

Veja também as biografias de:
  • Ruth Rocha (1931) é uma importante escritora brasileira de literatura infanto...
  • Lygia Fagundes Telles (1923) é uma escritora brasileira. Romancista e contist...
  • Rachel de Queiroz (1910-2003) foi uma escritora brasileira. A primeira mulher...
  • Ana Maria Machado (1941) é escritora e jornalista brasileira. Autora de livro...
  • J. K. Rowling (1965) é uma escritora britânica, autora da série Harry Potter,...
  • Adélia Prado (1935) é uma escritora e poetisa brasileira. Recebeu da Câmara B...
  • Agatha Christie (1890-1976) foi uma escritora inglesa. Hercule Poirot é um de...
  • Jane Austen (1775-1817) foi uma escritora inglesa, considerada uma das maiore...
  • Tatiana Belinky (1919-2013) foi uma escritora de literatura infanto-juvenil,...
  • Lygia Bojunga (1932) é uma escritora brasileira de literatura infanto-juvenil...

Última atualização: 04/11/2019

Rebeca Fuks
Doutora em Estudos da Cultura
Formada em Letras pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (2010), mestre em Literatura pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2013) e doutora em Estudos de Cultura pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro e pela Universidade Católica Portuguesa de Lisboa (2018).