Keith Haring

Artista gráfico norte-americano

Biografia de Keith Haring

Keith Haring (1958-1990) foi um artista gráfico e ativista social norte-americano, foi considerado um ícone da cultura underground de Nova York da década de 80.

Keith Haring (1958-1990) nasceu em Reading, no estado da Pensilvânia, nos Estados Unidos, no dia 4 de maio de 1958, numa família de classe média, logo cedo mostrou o gosto pelo desenho. Após a conclusão do ensino médio, em 1976, Keith se matriculou na Escola de Arte Ivy Professional, em Pittsburgh, uma escola de design gráfico, porém não mostrou interesse por esse tipo de arte e desistiu do curso.

Keith passou a estudar e trabalhar por conta própria e em 1978, fez sua primeira exposição individual no Centro de Artes e Ofícios de Pittsburgh. Nesse mesmo ano mudou-se para Nova York, entrou para a Escola de Artes Visuais, e gradativamente foi sendo influenciado pelos grafites.

Em 1980, começou a fazer desenhos com giz branco nas estações do metrô de Nova York. Começou a ganhar notoriedade. Suas primeiras exposições aconteceram em espaços alternativos e clubes da cidade. Seu trabalho tinha um vocabulário próprio dentro da pop arte e dos desenhos em quadrinhos. Seus personagens são desenhados com uma única linha grossa, continuada e simplificada. As silhuetas coloridas são desprovidas de detalhes.

Em 1981, Keith Haring realizou sua primeira exposição individual em Nova York, no Espaço Westbeth Pintores. Em 1982, fez sua grande estreia na Tony Shafrazi Gallery, no Soho. Em pouco tempo já participava de exposições e performances no vanguardista Club 57. Começou a tornar um dos mais celebrados e controversos artistas da década.

Seu reconhecimento internacional veio com a exposição no Documenta 7, em Kassel, na Alemanha (1982), na Bienal de São Paulo (1983), na Bienal do Whitney Museum de Nova York (1983) e em Bordeaux (1985). Seus desenhos eram vistos no metrô de Nova York e no Muro de Berlim, três anos antes de sua queda. Em 1986, abriu o Haring Pop Shop, uma loja de varejo, em Soho, onde vendia brinquedos, camisetas e uma série de outros produtos com sua marca.

Além de pintar murais em vários países, pintou painéis luminosos em Times Square, cenários de peças de teatro, campanhas publicitárias e desenvolvimento de produtos. Ao longo de sua carreira, dedicou grande parte de seu tempo à elaboração de obras públicas, que muitas vezes transmitiam mensagens sociais. Produziu mais de 50 obras públicas, em diversas cidades do mundo, muitas delas criadas em prol de instituições de caridade, hospitais, creches e orfanatos.

Em 1988, em entrevista à revista Rolling Stone, Keith declara que tem o vírus HIV. Em seguida cria o Keith Haring Foundation, com o objetivo de apoiar as crianças vítimas da AIDS. Em 1989, Keith fez um de seus últimos trabalhos, um mural intitulado “Tuttomundo”, dedicado à paz e a harmonia do mundo, instalado na parede sul da igreja de St. Anthony, em Pisa, na Itália.

Keith Haring faleceu em Nova York, Estados Unidos, no dia 16 de fevereiro de 1990.

Veja também as biografias de:
  • M. C. Escher (1898-1972)foi um artista gráfico holandês, conhecido por seus t...
  • James Rizzi (1950-2011) foi um artista pop norte-americano. Ganhou fama mund...
  • Johannes Gutenberg (1396-1468) foi um inventor alemão, o primeiro a usar a pr...
  • Laurie Anderson (1947) é uma artista de vanguarda norte-americana...
  • Antonio Nóbrega (1952) é um artista brasileiro. Músico, cantor, ator e divulg...
  • Aloísio Magalhães (1927-1982) foi um importante artista plástico, designer a...
  • Vik Muniz (1961) é artista plástico brasileiro, fotógrafo e pintor, é conheci...
  • Mestre Vitalino (1909-1963) foi um artista popular brasileiro, considerado um...
  • Roberto Burle Marx (1909-1994) foi um artista plástico brasileiro. Autor de m...
  • Lygia Clark (1920-1988) foi uma pintora e escultora brasileira. Abdicou do ró...

Última atualização: 12/05/2015