Martin Luther King

Ativista norte-americano

Biografia de Martin Luther King

Martin Luther King (1929-1968) foi um pastor protestante e ativista político norte-americano. Lutou contra a discriminação racial e tornou-se um dos mais importantes líderes dos movimentos pelos direitos civis dos negros nos Estados Unidos. Recebeu o Prêmio Nobel da Paz de 1964.

Martin Luther King (1929-1968) nasceu em Atlanta, nos Estados Unidos, no dia 15 de janeiro de 1929. Filho e neto de pastores da Igreja Batistas resolveu seguir pelo mesmo caminho. Em 1951 formou-se em Teologia na Morehouse College. Quatro anos depois, concluiu doutorado em Filosofia pela Universidade de Boston.

Em 1954 Martin Luther King assume a função de pastor na cidade de Montgomery, no Estado do Alabama, local onde ocorriam os maiores conflitos raciais do país. Começou sua luta liderando um movimento contra a segregação nos ônibus, após a prisão de Rosa Parks, uma costureira que se recusou a ceder o assento para uma pessoa branca.

Nos Estados do sul a segregação racial tinha o respaldo da lei. Nos ônibus de Montgomery o motorista tinha que ser branco e os negros só podiam ocupar os últimos lugares. O movimento contra a segregação durou 382 dias e terminou após a Suprema Corte declarar inconstitucionais todas as leis de segregação. Foi o primeiro movimento vitorioso do gênero registrado no solo americano

Em 1957 Martin Luther King fundou a Conferência da Liderança Cristã do Sul, sendo o seu primeiro presidente. Passou a organizar campanhas pelos direitos civis dos negros, baseadas na filosofia da não violência, pregada pelo líder indiano Manhatman Gandhi.

Em 1960 consegue liberar o acesso dos negros em parques públicos, bibliotecas e lanchonetes. Em 1963 lidera a Marcha sobre Washington, que reúne 250 mil pessoas, onde faz seu importante discurso, que começa com a frase “I Have a dream” (Eu tenho um sonho), e descreve uma sociedade, onde negros e brancos possam viver harmoniosamente.

Em 1964 é criada a Lei dos Direitos Civis, que garante a tão esperada igualdade entre negros e brancos. Nesse mesmo ano Martin Luther King recebe o “Prêmio Nobel da Paz”. Sua luta se estendeu também nos movimentos contra a Guerra do Vietnã.

Luther King teve sua trajetória interrompida por um tiro enquanto descansava na sacada de um hotel em Memphis, onde apoiava um movimento grevista dos lixeiros. Em 1977, em homenagem póstuma, representado por sua esposa Coretta Scott King, recebeu a Medalha Presidencial da Liberdade. Em 2004 recebeu a Medalha de Ouro do Congresso Americano, pelos 50 anos da promulgação da histórica Lei dos Direitos Civis.

Martin Luther King faleceu em Memphis, Tennessee, Estados Unidos, no dia 4 de abril de 1968

Biografias Relacionadas

Última atualização: 15/02/2017