Maurice Halbwachs

Sociólogo francês

Biografia de Maurice Halbwachs

Maurice Halbwachs (1877-1945) foi um sociólogo francês, destacado por seus trabalhos sobre a memória coletiva.

Maurice Halbwachs (1877-1945) nasceu em Reims, França, no dia 11 de março de 1877. Estudou na École Normale Supérieure de Paris, onde foi aluno do filósofo Henri Bergson, que deu grande contribuição para formação de seu pensamento. Influenciado por Lucien Herr, bibliotecária da École, e pioneira do Socialismo, se associou ao Partido Socialista.

Iniciou suas atividades de docente como professor de filosofia em diversos liceus. No início de 1904, após completar seus estudos em Direito, Ciências Sociais e Matemática, viajou para a Alemanha, onde lecionou em Hannover e Gottingen. Em 1909, se doutorou em Ciência Políticas e Econômicas, e em 1912, em Letras.

Através do sociólogo francês Émile Durhkeim, Halbwachs aprofundou seus conhecimentos em Sociologia e tornou-se seu discípulo. Em 1918 foi nomeado professor de Filosofia na Universidade de Caen. Entre 1919 passou a lecionar Sociologia a Universidade de Strasburgo. Foi professor visitante da Universidade de Chicago, em 1930. Em 1935, foi convidado para lecionar na Sorbonne, onde trabalhou com o sociólogo Marcel Mauss.

Maurice Halbwachs foi presidente do Instituto Francês de Sociologia, foi diretor e colaborador da revista acadêmica L’Année Sociologique, fundada por Durhheim. Em 1944 obteve a cátedra de Psicologia Social no Collège de France. De ideologia socialista, nesse mesmo ano, foi preso pelas tropas alemãs, após a ocupação nazista de Paris. Meses mais tarde, foi levado para o campo de concentração de Buchenwld, onde foi assassinado.

A obra de Halbwachs se destaca por suas referências no campo da psicologia social, especialmente na formulação de uma teoria acerca da memória coletiva, que estabeleceu um vínculo psico-sociológico entre o presente e o passado. Suas principais obras: “Le Cadres Sociaux de la Mémoire” (1925), “Le Causes du Suícide” (1930), “Morphologie Siciale” (1938) e “La Mémoire Collective” (1950) (obra póstuma).

Maurice Halbwachs faleceu no campo de concentração de Buchenwald, Weimar, Alemanha, no dia 16 de março de 1945.

Veja também as biografias de:
  • Émile Durkheim (1858-1917) foi um sociólogo francês. É considerado o pai da S...
  • Pierre Bourdieu , (1930-2002) foi um importante sociólogo e pensador francês,...
  • Marcel Mauss (1872-1950) foi um sociólogo e antropólogo francês. Considerado...
  • Vilfredo Pareto (1848-1923) foi um sociólogo, teórico político e economista i...
  • Betinho (1935-1997) foi um sociólogo brasileiro e ativista dos direitos human...
  • Zygmunt Bauman (1927-2017) foi um sociólogo, pensador, professor e escritor p...
  • Anthony Giddens (1938) é um sociólogo, conferencista e professor britânico, r...
  • Erving Goffman Erving Gojjman (1922-1982) foi um sociólogo, antropólogo e escritor canadense...
  • Herbert Marcuse (1898-1979) foi um sociólogo e filósofo alemão, um dos mais i...
  • Ferdinand Tönnies (1855-1936) foi um sociólogo alemão. Sua obra principal “Co...

Última atualização: 06/04/2016