Nina Simone

Cantora norte-americana

Biografia de Nina Simone

Nina Simone (1933-2003) foi uma pianista, cantora e compositora norte-americana. Além de uma das grandes vozes femininas do jazz, esteve comprometida com o ativismo pelos direitos civis dos negros do seu país.

Nina Simone (1933-2003), nome artístico de Eunice Kathleen Waymon, nasceu em Tryon, Carolina do Norte, Estados Unidos, no dia 21 de fevereiro de 1933. Filha de um marceneiro e de uma empregada doméstica e ministra metodista logo cedo descobriu seu talento para a música, no coral e no piano da igreja que frequentava com a família.

Em 1939, com seis anos começou a estudar piano. Com dez anos fez seu primeiro recital de piano na biblioteca da cidade. Antes da apresentação, seus pais foram retirados da primeira fila para dar lugar a pessoas brancas. Esse episódio marcou sua vida e daí nasceu seu comprometimento com a luta pelos direitos civis dos negros.

Em 1950, Nina saiu da Carolina do Norte para continuar seus estudos de piano clássico em Nova Iorque, na Juiliard Scool. Em 1954 mudou-se com a família para a Filadélfia. Conseguiu um emprego no Midtown Bar & Grill, em Atlantic City. Nessa época passou a adotar o nome de Nina Simone. Por insistência do dono do bar, passou também a cantar jazz, blues e música clássica. Nesse mesmo ano, prestou exames para uma bolsa no Curtis Institute, porém foi rejeitada, não pela falta de talento, mas pela cor da pele.

Em 1957, assinou seu primeiro contrato com a Bethlehem Records, dando início a sua carreira de sucesso, com os hits “Don’t Let Me Be Misunderstood”, “My Baby Just Carier For Me” e “I Love You Porgy”. Após o sucesso de “Little Girl Blue” (1958), Simone assinou contrato com a Colpix Records e gravou diversos álbuns de estúdio e ao vivo. Em 1961 casou-se com um detetive da polícia de Nova Iorque, Andrew Stroud, que mais tarde tornou-se seu agente. Em 1962 nasceu sua filha Lisa Celeste Stroud.

Em 1964, Nina Simone foi contratada pela Philips. No álbum “Nina Simone in Concert”, pela primeira vez se referiu à desigualdade social que imperava no seu país, com a canção “Mississippi Goddamn”. A partir de então, sua mensagem sobre os direitos civis passou a ser constante em seu repertório. Em 1965, gravou a canção “Strange Fruit”, de Billie Holiday, uma canção sobre o linchamento de homens negros no sul. Em 1966, escreveu “Four Women”, uma canção sobre quatro estereótipos diferentes de mulheres afro-americanas.

Em 1969, Nina Simone deixou os Estados Unidos, cansada de ser avaliada pela cor da pele, e iniciou um roteiro itinerante. Esteve em Barbados, na Libéria, na Holanda, na Tunísia e na França, onde permaneceu durante 10 anos. Esteve duas vezes no Brasil, em 1985, para um festival de jazz, e em 1997, quando gravou com Maria Betânia, a música “Ready to Sing” (Pronta para Cantar).

Nina Simone faleceu em Carry-le-Rouet, França, no dia 21 de abril de 2003.

Veja também as biografias de:
  • Demi Lovato Demi lovato (1992) é uma cantora, compositora e atriz norte-americana, conhec...
  • Katy Perry (1984) é uma cantora pop norte-americana, autora dos sucessos I Ki...
  • Lady Gaga (1986) é uma cantora, compositora, instrumentista e produtora music...
  • Billie Holiday (1915-1959) foi uma cantora e compositora norte-americana que...
  • Karen Carpenter (1950-1983) foi uma cantora norte-americana e baterista, que...
  • Roberta Flack (1937) é uma cantora, compositora e pianista norte-americana. É...
  • Aretha Franklin (1942-2018) foi uma cantora norte-americana, considerada a ra...
  • Beyoncé (1981) é uma cantora, compositora, produtora musical e atriz norte-am...
  • Madonna (1958) é uma cantora, atriz, dançarina e produtora musical norte-amer...
  • Selena Gomez (1992) é atriz, cantora e compositora norte-americana. Engajada...

Última atualização: 14/12/2016

Possui bacharel em Biblioteconomia pela UFPE e é professora do ensino fundamental. Desde 2008 trabalha na redação e revisão de conteúdos educativos para a web.