Antônio Carneiro Leão

Educador brasileiro
Por Dilva Frazão

Biografia de Antônio Carneiro Leão

Antônio Carneiro Leão (1887-1966) foi um educador, administrador e escritor brasileiro. Eleito membro da Academia Brasileira de Letras para a Cadeira n.º 14.

Antônio Carneiro Leão nasceu na cidade do Recife, Pernambuco, no dia 2 de julho de 1887. Era filho de Antônio Carlos Carneiro Leão e Elvira Cavalcanti de Arruda Câmara Carneiro Leão, importante família de Pernambuco.

Em 1911 concluiu o curso de Direito na Faculdade de Direito do Recife. Nessa época se dedicava ao magistério lecionando Filosofia na Universidade do Recife.

Carreira de educador

Em 1914, Antônio Carneiro Leão transferiu-se para o Rio de Janeiro, onde continuou se dedicando à área da educação como professor e administrador. Em 1922 foi nomeado Diretor Geral da Instrução Pública. Em 1924 fundou a Escola Portugal e mais duas dezenas de escolas que receberam nomes de vinte repúblicas americanas.

Em 1926 deixou o cargo de Diretor da Instrução Pública e voltou para o Recife, onde em 1928, assumiu a coordenação da reforma da educação no Estado de Pernambuco.

Entre 1929 e 1930 foi nomeado Secretário de Estado do Interior, Justiça e Educação do Estado de Pernambuco. De volta ao Rio de Janeiro, em 1934, assumiu a direção do Instituto de Pesquisas Educacionais da Prefeitura do Distrito Federal, na época em que a direção da Instrução Pública estava a cargo de Anísio Teixeira.

Antônio Carneiro Leão fundou e dirigiu o Centro Brasileiro de Pesquisas Pedagógicas da Universidade do Brasil, criada por Anísio Teixeira.

Em sua carreira de professor, lecionou Administração Escolar e Educação Comparada na Faculdade Nacional de Filosofia, na Escola do Instituto de Educação do Distrito Federal.

Foi professor emérito da Faculdade de Filosofia da Universidade do Brasil. Foi professor visitante e conferencista em universidades dos Estados Unidos, França, Uruguai e Argentina.

Antônio Carneiro Leão colaborou com diversos jornais do Recife, do Rio de Janeiro e de São Paulo. Fundou e dirigiu o jornal O Economista. Colaborou com diversas revistas especializadas em educação e sociologia. Em 1944 foi eleito para a Cadeira n.º 14 da Academia Brasileira de Letras.

Antônio Carneiro Leão recebeu diversos títulos e honrarias, entre eles:

  • Doutor Honoris causa pela Universidade de Paris e pela Universidade Autônoma do México,
  • Membro Honoris causa de universidades argentinas e de diversas instituições latino-americanas,
  • Legião de Honra da França e da Ordem do Leão Branco da Checoslováquia,
  • Membro do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro, do Instituto da França, da Real Academia Espanhola e da Academia das Ciências de Lisboa.

Obras de Antônio Carneiro Leão

  • Educação (1909)
  • O Brasil e a Educação Popular (1917)
  • Os Deveres das Novas Gerações Brasileiras (1923)
  • O Ensino das Línguas Vivas (1935)
  • A Sociedade Rural, seus Problemas e sua Educação (1940)
  • O Sentido da Evolução Cultural do Brasil (1946)
  • Adolescência, Seus Problemas e Sua Educação (1950) 
  • Panorama Sociológico do Brasil” (1958).

Antônio Carneiro Leão faleceu no Rio de Janeiro, no dia 31 de outubro de 1966.

Dilva Frazão
Possui bacharelado em Biblioteconomia pela UFPE e é professora do ensino fundamental. Desde 2008 trabalha na redação e revisão de conteúdos educativos para a web.
Veja também as biografias de:
  • Paulo Freire (1921-1997) foi um educador brasileiro, criador do método inovad...
  • Anísio Teixeira (1900-1971) foi um importante teórico da educação no Brasil...
  • Fernando de Azevedo (1894-1974) foi um educador, professor, crítico, ensaísta...
  • Monteiro Lobato (1882-1948) foi escritor e editor brasileiro. "O Sítio do Pic...
  • Romero Britto (1963) é um famoso pintor brasileiro. Radicado em Miami, nos EU...
  • Vinicius de Moraes (1913-1980) foi um poeta e compositor brasileiro. "Garota...
  • Mauricio de Sousa (1935) é um cartunista e empresário brasileiro. Criou a "Tu...
  • Carlos Drummond de Andrade (1902-1987) foi um poeta brasileiro. "No meio do C...
  • Luiz Gonzaga (1912-1989) foi um músico brasileiro. Sanfoneiro, cantor e compo...
  • Castro Alves (1847-1871) foi um poeta brasileiro. O último grande poeta da Te...