Paulo Mendes da Rocha

Arquiteto brasileiro

Biografia de Paulo Mendes da Rocha

Paulo Mendes da Rocha (1928) é um arquiteto brasileiro. Premiado com o Leão de Ouro, pelo conjunto de sua obra, na Bienal de Arquitetura em Veneza, na Itália, é o primeiro brasileiro a receber a distinção.

Paulo Archias Mendes da Rocha (1928) nasceu em Vitória, Espírito Santo, no dia 25 de outubro de 1928. Em 1954 formou-se pela Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Presbiteriana Mackenzie, de São Paulo, cidade na qual se consagrou.

Em 1958 venceu o concurso para elaboração do projeto do Ginásio do Clube Atlético Paulistano, obra que lhe valeu o Grande Prêmio Presidência da República na VI Bienal Internacional de São Paulo, em 1961.

Nesse mesmo ano, passou a lecionar na Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo. Convidado por João Batista Vilanova Artigas encabeçou a chamada Escola Paulista de Arquitetura, que destacava o papel social e humanista do arquiteto. Realizou diversos projetos de escolas para a rede pública. Em 1962 projetou a sede social do “Jockey Club de Goiânia”.

Em 1968, junto com Artigas e Fábio Penteado realizou o projeto do “Conjunto Habitacional Zezinho Magalhães Prado”, o Parque Cecap, em Guarulhos, para 50 mil moradores. Em 1969, com o Ato Institucional nº 5, é afastado da Universidade.

Em 1970, Paulo Mendes da Rocha vence o concurso para o projeto do “Pavilhão Oficial do Brasil na Expo 70”, em Osaka, no Japão. Em 1971 esteve entre os finalistas premiados no concurso internacional para o anteprojeto do “Centro Cultural Georges Pompidou”, em Paris. Em 1980, depois da anistia, Rocha é reintegrado ao quadro da universidade, onde leciona até 1999, quando se aposenta.

Entre seus projetos destacam-se o “Museu Brasileiro de Escultura” (1988), a reforma da “Pinacoteca do Estado de São Paulo” (1993), o “Centro Cultural da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo” (1996), o “Museu da Língua Portuguesa” (2006), o projeto das novas instalações do “Museu Nacional dos Coches”, na zona de Belém, em Lisboa etc.

Em 2006, Paulo Mendes da Rocha venceu o Pritzker, o maior reconhecimento mundial em sua área. No dia 28 de maio de 2016 recebe o “Leão de Ouro”, pelo conjunto de sua obra, na Bienal de Arquitetura de Veneza, na Itália. Ele é o primeiro brasileiro a receber a distinção. Para os diretores da Bienal, “o atributo mais marcante de sua arquitetura é a atemporalidade”.

Veja também as biografias de:
  • Oscar Niemeyer (1907-2012) foi arquiteto brasileiro. Responsável pelo planeja...
  • Lúcio Costa (1902-1998) foi Arquiteto e Urbanista brasileiro. Autor do projet...
  • Filippo Brunelleschi (1377-1446) foi um arquiteto, escultor e ourives italian...
  • Frank Gehry (1929) é um arquiteto canadense naturalizado norte-americano, aut...
  • Giotto (1266-1337) foi um pintor e arquiteto italiano, autor do desenho do "C...
  • Santiago Calatrava (1951) é um arquiteto e engenheiro espanhol, um expoente d...
  • Le Corbusier (1887-1965) foi um arquiteto, urbanista e pintor franco-suíço. F...
  • Frank Lloyd Wright (1867-1959) foi um arquiteto norte-americano, autor de fam...
  • Bernini (1598-1680) foi um escultor, arquiteto, pintor, cenógrafo e urbanista...
  • Monteiro Lobato (1882-1948) foi escritor e editor brasileiro. "O Sítio do Pic...

Última atualização: 30/06/2016