Carl Friedrich Gauss

Matemático alemão
Por Rebeca Fuks
Doutora em Estudos da Cultura

Biografia de Carl Friedrich Gauss

Johann Carl Friedrich Gauss, conhecido popularmente como o “príncipe dos matemáticos”, foi uma referência incontornável na matemática, na geometria, na física e na astronomia. Entre as suas maiores conquistas acadêmicas está a invenção do telégrafo.

Carl Friedrich Gauss nasceu no dia 30 de abril de 1777 em Brunswick, na Alemanha.

A importância acadêmica de Gauss

Em 1796, o matemático descobriu um método para desenhar um heptadecágono (um polígono de 17 lados) apenas com uma régua e um compasso. Esse foi um desafio que intrigou os pesquisadores durante mais de 2000 anos até ter sido solucionado por Carl Gauss. 

Em 1801, o intelectual publicou Disquisitiones Arithmeticae, um livro de matemática fundamental que reunia as suas principais ideias.

No princípio do século XIX, deixou a aritmética para se dedicar exclusivamente a astronomia, o seu principal interesse no novo campo de estudo era acompanhar a órbita dos satélites. Como tinha também habilidades manuais, ajudou no aprimoramento de uma série de instrumentos para medição da luz e também das distâncias astronômicas.

Durante a década de 1830, se juntou a uma série de pesquisadores que investigavam o magnetismo terrestre. Juntos, ele fizeram o primeiro levantamento mundial do campo magnético da Terra, que foi feito com um instrumento que Gauss havia recém inventado, o magnetômetro. Carl foi tão importante para esse campo do conhecimento que o seu sobrenome - Gauss - é usado para chamar uma unidade de medida magnética (o Gauss).

Além do magnetômetro, Gauss construiu, em 1833, com a ajuda do colega Wilhelm Weber, o primeiro telégrafo elétrico, tendo sido empregado para estabelecer a comunicação entre a própria casa e o Observatório de Göttingen, onde trabalhava como diretor.

Formação

O grande responsável pelos estudos de Carl Gauss foi o Duque de Brunswick, da cidade natal do pensador. Ao saber das habilidades de Carl quando o menino tinha apenas 14 anos, graças aos comentários feitos pelos professores, o Duque resolveu financiar os seus estudos e, mais tarde, as suas pesquisas acadêmicas. 

A parceria só se encerrou em 1806, quando o Duque perdeu a vida na Batalha de Jena, onde combatia o exército de Napoleão.

Em 1795, Gauss entrou para a Universidade de Göttingen onde cursou matemática até 1798. Mais tarde, ingressou no doutorado da Universidade de Helmstadt e defendeu a tese intitulada “New Demosnstration Of The Theorem That Every Rational Integral Algebric Function In Variable Can Be Solved Into Real Factors Of First Or Second Degree”.

Carl Gauss virou professor de astronomia na mesma instituição - apesar de não gostar muito de dar aulas - e se tornou, em 1807, diretor do Observatório de Göttingen, que pertencia a universidade. Carl esteve a frente do Observatório durante 40 anos. 

Reconhecimento profissional

Carl Gauss se tornou membro do Royal Society em 1804, uma honra para alguém da sua geração. 

Em 1822 foi laureado com o Prêmio da Universidade de Copenhagen pelo seu trabalho publicado Theoria motus corporum coelestium in sectionibus conicis Solem ambientium.

No ano a seguir, foi premiado pela Academia Dinamarquesa de Ciências por ter desenvolvido um estudo de mapas (Gauss também era um amante da cartografia). 

Em 1838 recebeu a Medalha de Copley, um dos mais antigos prêmios científicos e que possui maior prestígio dentro da Royal Society.

Principais obras de Carl Gauss

  • Disquisitiones Arithmeticae (1801)
  • Theoria motus corporum coelestium in sectionibus conicis Solem ambientium (1809)
  • Methodus nova integralium valores per approximationem inveniendi (1816)
  • Theoria combinationis observationum erroribus minimis obnoxiae (1823)
  • Principia Generalia Theoriare Figurae Fluidorum En Statu Aequilibrii (1830)
  • Intensisitas Vis Magnecticae Terrestris Ad Mensuram Absolutam Revocata (1832)
  • Dioptrische Untersuchungen (1841)

Origem familiar

O menino com uma inteligência fora da curva nasceu no berço de uma família humilde. O pai de Carl, Gerhard Dietrich Gauss (1744-1808), era jardineiro e pedreiro, e a mãe, Dorothea Benze Gauss (1742-1839), era uma tecelã analfabeta. 

O menino prodígio foi um autodidata, já no princípio da vida tendo aprendido a ler e a somar sozinho. Reza a lenda que, quando tinha apenas três anos, foi capaz de corrigir o pai, que havia feito um erro no cálculo do salário de um operário. 

Sobrevive também uma história curiosa da infância de Carl escrita pelo biógrafo alemão Wolfgang Sartorius (1809-1876), na sua obra Gauss zum Gedächtnis (em português Gauss, um Memorial), a primeira biografia do matemático publicada em 1856. 

Segundo Sartorius, ainda nos primeiros anos da escola, a professora de Gauss escreveu no quadro uma tarefa muito difícil para manter a turma entretida durante algumas horas. A tarefa era fazer uma soma de todos os números entre o 1 e o 100 (para se alcançar o resultado final de 5050). O pequeno Carl, no entanto, resolveu em poucos segundos o problema usando a fórmula Sn = n.(a1 + an) / 2, surpreendendo a todos.

A vida pessoal do pensador

Em 1805 o matemático se casou com Johanna Elizabeth Rosina Osthoff, com quem teve três filhos. No parto do terceiro filho, em 1809, Johanna faleceu deixando Gauss profundamente deprimido. 

Em 1810 o pensador se casou novamente, com uma amiga da falecida esposa. Do novo casamento, com Friederica Wilhelmine Waldeck, teve mais três filhos. Essa segunda esposa faleceu em 1831, tendo Carl Gauss se mantido viúvo até o final da vida.

Morte de Carl Friedrich Gauss

Aos 78 anos, Carl Friedrich Gauss faleceu em Göttingen (Alemanha) durante o sono, após lutar com uma doença prolongada. O importante intelectual alemão deixou o mundo no dia 23 de fevereiro de 1855.

Rebeca Fuks
Doutora em Estudos da Cultura
Formada em Letras pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (2010), mestre em Literatura pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2013) e doutora em Estudos de Cultura pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro e pela Universidade Católica Portuguesa de Lisboa (2018).
Veja também as biografias de:
  • Johannes Kepler (1571-1630) foi um importante matemático e astrônomo alemão...
  • Georg Simon Ohm (1787-1854) foi um físico e matemático alemão que definiu o n...
  • Pitágoras (582 - 497 a.C.) foi um matemático e filósofo grego. Autor do Teore...
  • Bhaskara (1114-1185) foi um matemático, astrólogo, astrônomo e professor indi...
  • Alan Turing (1912-1954) foi um matemático britânico, pioneiro da computação,...
  • Gottfried Leibniz (1646-1716) foi um filósofo e matemático alemão, criador da...
  • Leonardo Fibonacci (1170 — 1250) foi um matemático italiano, responsável pela...
  • Daniel Bernoulli (1700-1782) foi um importante matemático, físico e professor...
  • George Boole (1815-1864) foi um matemático inglês, criador da Álgebra Boolean...
  • René Descartes (1596-1650) foi um filósofo, físico e matemático francês. Auto...