Johannes Kepler

Astrônomo e matemático alemão

Biografia de Johannes Kepler

Johannes Kepler (1571-1630) foi um importante matemático e astrônomo alemão. Foi responsável pela elaboração das “Leis do Movimento Planetário” - as "Leis de Kepler". Aperfeiçoou invenções de Galileu Galilei e deixou importantes trabalhos que influenciaram nas futuras descobertas de Isaac Newton.

Johannes Kepler (1571-1630) nasceu em Weil der Stadt, cidade do sul da Alemanha, no dia 27 de dezembro de 1571. Seu pai era um soldado mercenário e sua mão era filha de um dono de hospedaria. Aos 4 anos sofreu uma grave varíola que o deixou com uma deficiência visual e com as mãos aleijadas. Apesar da deficiência, foi um bom aluno. Depois de concluir a escola primária e a escola de latim, ingressou no seminário com o objetivo de estudar Teologia e seguir a carreira religiosa.

Em 1589 obteve uma bolsa de estudo para a Universidade de Tuebingen, onde entrou em contato com as ideias de Copérnico a respeito do movimento do planeta em torno do Sol. A fascinação pela Ciência e pela Matemática era tão grande que ele desistiu de se tornar ministro da igreja. Aos 23 anos aceitou o convite para lecionar Astronomia na Universidade de Graz.

Apesar de boa reputação como cientista ainda estava preso à Astrologia. Mantinha registro diário dos acontecimentos de sua vida, juntamente com as posições das estrelas e dos planetas. Kepler negava acreditar na Astrologia, mas era sem dúvida, influenciado por todas as superstições do passado.

Kepler deixou Graz e se reuniu ao astrônomo dinamarquês Tycho Brahe, que se encontrava exilado em Praga. Brahe opunha-se a Copérnico, achando que as leis de Deus e os princípios da Física eram violados pela ideia de o Sol ser o centro do universo. Tentou então, provar que a Terra era o centro. Fizera milhares de observações muito precisas e é lembrado pelo catálogo de estrelas que publicou em 1592. Depois, convencido de seu erro, aceitou Kepler como assistente e sucessor, apesar deste pensar diferente.

Depois da morte de Tycho em 1601, Kepler continuou as observações astronômicas e sob sua orientação foram cuidadosamente estudadas mais de 228 estrelas. A análise dos dados de Brahe levou Kepler a formular as “Leis do Movimento Planetário” que Isaac Newton explicou pela gravidade.

Além de descobrir que os planetas se movem em torno do Sol em órbitas ovais, Kepler também registrou que cada planeta muda de velocidade enquanto percorre a órbita. À medida que a órbita elíptica aproxima o planeta do Sol, ele ganha velocidade. Kepler calculou o tempo que um planeta leva para dar a volta ao Sol. Os que se acham perto do Sol levam menos tempo do que os que se acham mais distantes.

Johannes Kepler contribuiu também para as áreas correlatas da ciência. Estudos sobre visão e ótica originaram certas ideias a respeito de refração da luz. Ele sugeriu o princípio do telescópio astronômico. Sua Matemática chegou perto de descobrir o Cálculo. Desenvolveu também importantes ideias a respeito da gravidade e das marés oceânicas.

Johannes Kepler morreu na Baviera, Alemanha, no dia 15 de novembro de 1630.

Última atualização: 30/03/2017