Jerry Lewis

Comediante norte-americano
Por Dilva Frazão

Biografia de Jerry Lewis

Jerry Lewis (1926-2017) foi um ator, comediante, roteirista, produtor e diretor norte-americano. Tornou-se famoso no cinema e nos palcos com sua comédia estilo pastelão. Ficou conhecido como Rei da Comédia, nome de um de seus filmes.

Jerry Lewis, nome artístico de Joseph Levitch, nasceu em Newark, New Jersey, Estados Unidos, no dia 16 de março de 1926. Era filho de Danny Levitch, mestre de cerimônia e ator de Vandeville e da pianista Rachel Rae Levitch.

Com cinco anos de idade Lewis começou a atuar. Foi aluno da Irvington High School, em Irvington, New Jersey. Com 15 anos passou a se apresentar em teatros e boates de Nova Iorque.

Jerry Lewis e Dean Martin

Em 1944, Lewis conheceu o cantor Dean Martin e 1946 começaram a se apresentar juntos. Enquanto Martin cantava Lewis fazia palhaçadas, misturando música e comédia.

O primeiro show que a dupla "Martin e Lewis" realizou, foi em 25 de julho de 1946, em Atlantic City. Se apresentavam também na boate Copacabana de Nova Iorque, o que resultou em uma oferta da Paramount.

A dupla fez sua primeira aparição na tela do cinema em "My Friend Irma" (1949). Juntos, continuaram fazendo sucesso, em casas de shows e na Paramount.

Em 1950 eles passaram a fazer parte dos apresentadores do programa da TV, The Colgate Comedy Hour. Durante oito anos apareceram em 16 filmes e Martin e Lewis se tornou a dupla mais popular da década.

Entre os filmes dessa época, destacam-se: The Stooge (1952), Scared Stiff (1953), Living It Up (1954), Artists and Models (1955) e Hollywood or Bust (1956). Depois de atuarem em Pardners (1956), Martin e Lewis se desentenderam e dissolveram a dupla.

Carreira Solo

Lewis continuou sua carreira na Paramount e começou uma série de comédias solo, trabalhando com diversos diretores. Entre os filmes desse período destacam-se: O Delinquente Delicado (1957), O Rei dos Mágicos (1958) e Bancando a Ama Seca (1958).

Em 1959, Lewis assinou um novo contrato com a Paramount que lhe deu 60% dos lucros de bilheteria e permitiu que eles escrevesse e dirigisse seus próprios filmes. São desse período os filmes: O Mensageiro Trapalhão (1960), Mocinho Encrenqueiro (1961), Terror das Mulheres (1961), O Professor Aloprado (1963) e A Família Fuleira (1965), que foi um fracasso de bilheteria.

Em 1965, insatisfeito, Lewis trocou a Paramount pela Colúmbia Pictures, onde atuou e dirigiu diversos filmes, entre eles: Três Em Um Sofá (1966), O Fofoqueiro (1967), Qual o Caminho Para a Guerra? (1970) e Uma Dupla em Sinuca (1970) o primeiro filme que produziu, dirigiu e não atuou.

Depois de 10 anos sem lançar nenhum filme, Lewis voltou às telas com Um Trapalhão Mandando Brasa (1980), quando dirigiu e atuou, que foi um sucesso de bilheteria.

Seu próximo filme foi As Loucuras de Jerry Lewis (1983), que foi lançado dos cinemas da França e em VHS e na TV a cabo nos Estados Unidos.. Só em 1985 teve sua estreia nas telonas norte-americanas.

Jerry Lewis – MDA - Teleton

Jerry Lewis teve três programas na televisão, chamados The Jeey Lewis Show. O primeiro foi na NBC em 1957, o segundo foi na ABC em 1963 e o terceiro, mais uma vez, na NBC em 1967.

Foi durante sua passagem pela NBC que Lewis começou a se envolver com o Muscular Dystrophy Association (MDA). Desde então passou a apresentar um programa beneficente anual, o Jerry Lewis MDA Telethon, com o objetivo de arrecadar fundos para o MDA. Foi presidente nacional da MDA até 2010.

Prêmios

Jerry Lewis foi eleito um dos maiores diretores de todos os tempos, pela revista Entreitaimente Weekley. Possui duas estrelas na calçada da fama, uma por seu trabalho no cinema e outra pelo seu desempenho na TV.

Em 2009, recebeu da Academia de Arte e Ciências Cinematográfica o prêmio Jean Hersholt Humanitarian Award, o Oscar Humanitário. Foi indicado ao Prêmio Nobel da Paz pelos 50 anos que passou arrecadando fundos para a causa da distrofia muscular.

Retorno ao cinema

Na década de 1990, Jerry Lewis continuou fazendo filmes. Teve uma participação especial em Arizona Dreem, em 1994 e em Funny Bones em 1995. Apareceu em um episódio de Mad Abaut You em 1992, interpretando um excêntrico bilionário.

Depois de dezoito anos sem gravar, voltou às telas com "Max Rose", que estreou em maio de 2013 no Festival de Cannes. No filme Lewis vive um pianista de Jazz, que abdicou da carreira pela família e pelos filhos. Em 2016, fez parte do elenco do filme "The Trust".

Família

Jerry Lewis foi casado com a cantora Patti Palmer entre 1944 e 1980. O casal teve seis filhos. Sua segunda esposa foi a dançarina SanDee Pitnich com quem casou em 1983. Em 1992 adotou Danielle Sarah.

Jerry Lewis deixou fora de seu testamento os seis filhos de primeiro casamento, e declarou: “Excluí intencionalmente os meus filhos e seus descendentes do meu testamento, sendo minha intenção que eles não recebam nenhum benefício”.

Jerry Lewis faleceu em Las Vegas, Nevada, Estados Unidos, no dia 20 de agosto de 2017.

Dilva Frazão
Possui bacharelado em Biblioteconomia pela UFPE e é professora do ensino fundamental. Desde 2008 trabalha na redação e revisão de conteúdos educativos para a web.
Veja também as biografias de:
  • Jerry Seinfeld (1954) é um comediante, ator, produtor, diretor e escritor nor...
  • Tim Allen (1953) é um ator, comediante, dublador, diretor e produtor norte-am...
  • David Letterman (1947) é um apresentador, produtor de televisão e cinema e hu...
  • Rowan Atkinson (1955) é um comediante inglês, o criador do Mr. Bean, personag...
  • Carlinhos Maia (1991) é um humorista e digital influencer brasileiro...
  • Chico Anysio (1931-2012) foi um humorista, roteirista, diretor e escritor bra...
  • Whindersson Nunes (1994) é um comediante e youtuber brasileiro com bastante r...
  • Martin Luther King (1929-1968) foi um ativista norte americano, lutou contra...
  • Thomas Edison (1847-1931) foi um dos maiores inventores da humanidade. Sua ma...
  • Edgar Allan Poe (1809-1849) foi um poeta, escritor, romancista, crítico liter...