Zíbia Gasparetto

Escritora brasileira

Biografia e Vida

Zíbia Gasparetto (1926) é uma escritora espírita que ficou conhecida por escrever seus livros através da mediunidade. É mãe do apresentador de televisão, escritor e psicólogo Luiz Antonio Gasparetto.

Zíbia Alencastro Gasparetto (1926) nasceu em Campinas, São Paulo, no dia 29 de julho de 1926. Descendente de italianos despertou vocação para a escrita desde a infância, quando já escrevia contos policiais. Com 20 anos casou-se com Aldo Luiz Gasparetto, com quem teve quatro filhos.

Zíbia Gasparetto começou seu interesse pela doutrina espírita em 1950, quando de repente no meio da noite, passou a andar pela casa falando alemão, idioma que não dominava, surpreendendo e assustando seu marido. No dia seguinte procurou ajuda em um centro espírita sendo aconselhada a ler o “Livro dos Espíritos”, obra de Allan Kardec e essencial para o entendimento da doutrina espírita.

Certo dia, ao estudar a doutrina, junto com seu marido, começou a sentir fortes dores no braço direito e sua mão começou a se movimentar sem parar. Nesse momento, seu marido colocou um lápis em sua mão e um papel em sua frente. Dessa forma, uma vez por semana, Zíbia começou a psicografar seu primeiro romance, intitulado “O Amor Venceu”, assinado pela entidade identificada com o nome de Lucius.

O romance “O Amor Venceu” foi publicado em 1958. “A obra conta uma história que se passa em Tebas, cidade do Egito Antigo, e narra a dor do amor impossível entre dois casais que buscam resgatar a sua verdadeira existência”. “Baseado nas leis da reencarnação procura explicar os mistérios em que a humanidade parece se debater, buscando elucidar os fatos da época, com base no estudo de diferentes povos e civilizações”.

Zíbia Gasparetto não parou mais de escrever. É uma escritora espiritualista e uma das poucas com vários livros no ranking de vendas. Entre suas obras destacam-se: "Laços Eternos" (1976), “Quando Chega a Hora” (1999), “Ninguém é de Ninguém” (2000), “A Verdade de Cada Um” (2002), “Tudo Vale a Pena” (2003), “O Amanhã a Deus Pertence” (2003), “Nada é Por Acaso” (2006), “Vencendo o Passado” (2008), “Laços Eternos” (2009), “Pensamentos” (2010), “A Vida Sabe o Que Faz” (2011) e “Só o Amor Consegue” (2013).

Biografias Relacionadas

Última atualização: 26/07/2016