Catarina de Aragão

Rainha consorte da Inglaterra

Biografia de Catarina de Aragão

Catarina de Aragão (1485-1536) foi uma princesa espanhola e rainha consorte da Inglaterra como primeira esposa de Henrique VIII. Seu divórcio provocou o rompimento entre a coroa inglesa e o papado, dando origem à Igreja Anglicana.

Catarina de Aragão (Catalina de Aragón) nasceu em Alcalá de Henares, Espanha, no dia 16 de dezembro de 1485. Filha mais nova dos reis católicos Fernando de Aragão e de Isabel de Castela, descendia da família real inglesa pelo lado materno, como bisneta de Catarina de Lencastre e trineta de Filipa de Lencastre. Ambas eram netas de John de Gaunt e bisnetas de Edward III.

Infância

Com três anos, Catarina de Aragão foi prometida ao príncipe Artur Tudor (1486-1502), filho e sucessor de Henrique VII da Inglaterra, como parte da política de alianças estabelecida por seus pais para isolar diplomaticamente a França. Catarina estudou e foi preparada para ser a futura rainha da Inglaterra.

Casamento com Artur Tudor

Em maio de 1499, Catarina de Aragão e o príncipe Artur se casam por procuração. Em novembro de 1501, as casas de Aragão e Tudor realizam o casamento oficial de Catarina e Artur em uma grande cerimônia religiosa na Catedral de São Paulo. Artur, o príncipe de Gales e Catarina, a princesa de Gales passam a residir no País de Gales, seu destino era reinar sobre aquela terra distante. Em 1502, Artur adoece e morre, deixando Catarina viúva, com apenas 16 anos.

Casamento com Henrique VIII

Após a morte de Artur, os interesses dos Estados levaram a se negociar o casamento de Catarina com o novo herdeiro do trono, o príncipe Henrique VIII, irmão mais novo do falecido Artur. Como o direito canônico não permitia que um homem se tornasse marido da mulher de seu irmão, Catarina afirmou que o casamento com Artur não havia sido consumado devido a pouca idade de ambos. Em 1505, o Papa Júlio II concedeu a autorização para que fosse realizada a cerimônia.

Em abril de 1509, com o falecimento de rei Henrique VII, seu filho Henrique VIII torna-se o novo rei da Inglaterra. Nesse mesmo ano, no dia 23 de junho, estando Catarina com 23 anos e Henrique VIII com 18 anos, é realizado o casamento na Catedral de Westminster. No dia seguinte, foram coroados pelo Arcebispo da Cantuária.

Filhos e Divórcio

Da união de Henrique VIII com a rainha consorte Catarina de Aragão nasceram seis filhos, mas a única sobrevivente foi Maria Tudor, que mais tarde viria a se tornar rainha da Inglaterra. À medida que transcorriam os anos, a principal preocupação de Henrique VIII passou a ser a falta de descendência masculina.

Para resolver o problema da sucessão ao trono, Henrique VIII desejava anular seu casamento com Catarina, já tendo em vista uma segunda esposa: Ana Bolena, uma dama da corte da rainha, por quem ele se apaixonou. Esperando realizar o matrimônio com Ana Bolena, Henrique VIII via a possibilidade de nascer um herdeiro legítimo que continuasse a dinastia dos Tudor. Em 1527, solicitou ao papa Clemente VII, a efetivação do divórcio, alegando que o matrimônio celebrado entre cunhados não era válido pelas leis eclesiásticas, mas o papa negou o consentimento.

No dia 25 de janeiro de 1533, realiza-se secretamente o casamento de Henrique e Ana Bolena, pelo chanceler de Canterbury, que as pressões do rei o fizeram passar por cima da autoridade papal. Era o rompimento religioso e político com Roma. Depois de vários atos do rei, o Parlamento declara que a Inglaterra é um império governado pelo rei, e que todas as causas espirituais devem ser julgadas e determinadas dentro da jurisdição e da autoridade real. Era o nascimento da Igreja Anglicana e do absolutismo na Inglaterra. Como resposta a esses atos, Clemente II excomunga o rei.

Últimos Anos de Catarina de Aragão

Depois da união de Henrique VIII e Ana Bolena, Catarina de Aragão foi confinada no castelo de Kimbolton, mas nunca renunciou o título de rainha consorte, como era referida pelos servos. Ficou proibida de se comunicar com sua filha Maria Tudor, a não ser através de cartas. O rei ofereceu a Catarina melhores alojamentos e a permissão de ter contato com sua filha, se ambas aceitassem Ana Bolena como rainha legítima, mas elas recusaram.

Catarina de Aragão faleceu no Castelo de Kinbolton, em Cambridgeshire, Inglaterra, no dia 7 de janeiro de 1536, e sepultada na Abadia de Peterborough.

Veja também as biografias de:
  • Ana Bolena (1501-1533) foi a segunda esposa de Henrique VIII, rei da Inglater...
  • Carlota Joaquina (1775-1830) foi Rainha Consorte de Portugal, esposa do Rei D...
  • Elizabeth II Rainha (1926) é a rainha da Inglaterra desde os 25 anos de idade...
  • Rainha Vitória (1819-1901) foi rainha da Inglaterra e Irlanda. Foi Imperatriz...
  • Elizabeth I (1533-1603) foi rainha da Inglaterra e da Irlanda de 1558 até 160...
  • Maria I da Inglaterra (1516-1558) foi a primeira rainha da Inglaterra a reina...
  • Maria Leopoldina da Áustria (1797-1826) foi imperatriz consorte do Brasil, a...
  • Henrique VIII (1491-1547) foi rei da Inglaterra, o segundo da dinastia Tudor...
  • Ricardo I (1157-1199), também conhecido como Ricardo Coração de Leão, por sua...
  • Henrique II da Inglaterra (1133-1189) foi rei da Inglaterra entre 1154 e 1189...

Última atualização: 17/01/2019

Dilva Frazão
Possui bacharelado em Biblioteconomia pela UFPE e é professora do ensino fundamental. Desde 2008 trabalha na redação e revisão de conteúdos educativos para a web.