Jan van Eyck

Pintor flamengo

Biografia de Jan van Eyck

Jan van Eyck (1390-1441) foi um pintor flamengo, um dos mais importantes mestres do estilo Gótico.

Jan van Eyck (1390-1441) nasceu em Maas Eyck, próspera região dos Países Baixos, que hoje se localiza no sudeste da Holanda, fronteira com a Bélgica e a Alemanha. O pouco que se sabe do pintor é que nasceu por volta de 1930 e que aprendeu a pintar com seu irmão mais velho, Hubert van Eyck.

Em 1420 recebeu a encomenda para realizar o políptico, isto é, um retábulo colocado na parte posterior do altar da capela da Catedral de São Bavão, em Gante, na atual Bélgica. Esse trabalho, chamado de “O Retábulo do Cordeiro” ou “Adoração do Cordeiro Místico”, é a sua obra mais célebre.

Em 24 de outubro de 1422, Jan van Eyck interrompeu seu trabalho e foi para Haia, a serviço do Duque de Holanda, João da Baviera. Permaneceu nessa cidade até a morte do Duque em 5 de janeiro de 1425. Meses mais tarde foi nomeado pintor da corte, pelo Duque de Borgonha, Filipe, o Bom. A obra “Nossa Senhora do Chanceler Rolin”, uma das primeiras telas conhecidas do pintor, encomendada por Nicolas Rolin, o chanceler de Filipe, encontra-se no Museu do Louvre, em Paris.

Jan van Eyck foi um misto de artista e diplomata, a serviço do Duque de Borgonha, iniciou um intenso período de viagens realizando missões de caráter diplomático para seu soberano. No dia 18 de setembro de 1426 morreu seu irmão Hubert e Jan prossegue sozinho na realização do “Retábulo do Cordeiro”.

Em 1428, mais uma vez, viu-se obrigado a interromper a obra, para atender o Duque de Borgonha, na missão de acompanhar a comitiva enviada a Portugal para pedir, em nome do Duque, a mão da Princesa Isabel, filha do Rei João I. Sua incumbência era retratar a princesa e também realizar missões diplomáticas e confidenciais. Em fevereiro de 1429 o retrato de Isabel é enviado ao Duque. Nesse mesmo ano, Jan van Eyck segue para Gante, a fim de continuar o políptico.

Em 1432, compra uma casa em Bruges, na região mais progressiva dos Países-Baixos, hoje na Bélgica. Nesse mesmo ano termina sua maior e mais famosa obra, “O Retábulo do Cordeiro“, que foi abençoada no dia 6 de maio. Ao pé da obra escreveu: “Hubert van Eyck, o maior pintor que já existiu, iniciou esse quadro, e Jan, o segundo em sua arte, se encarregou de termina-la a pedido de Josse Vydt”.

Em 1433, Eyck casa-se com uma jovem de vinte anos, Margarida. Nesse mesmo ano nasce seu primeiro filho, que tem como padrinho o Duque Filipe, seu protetor.

Entre suas obras dessa época estão: “O Homem de Turbante” (1433), “O Casal Arnolfini” (1434), “Nossa Senhora com o Menino na Igreja” (1435), “Nossa Senhora do Cônego van der Paele” (1436), “A Virgem da Fonte” (1439) e “Margarida van Eyck” (1439), o último quadro do pintor. Essa obra encontra-se no Museu de Bruges.

Atendendo ao pedido do abade do mosteiro de Ypres, Jan transfere-se para lá e começa o retábulo da igreja de São Martinho, mas não pode termina-la, se sentido muito doente, volta para Bruges.

Jan van Eyck faleceu em Bruges, nos Países Baixos, no dia 9 de julho de 1441. Seu corpo foi sepultado num mausoléu na igreja de São Donato de Bruges.

Veja também as biografias de:
  • Peter Paul Rubens (1577-1640) foi um importante pintor flamengo, um dos maior...
  • Leonardo da Vinci (1452-1519) foi um pintor italiano. "Mona Lisa" foi uma das...
  • Pablo Picasso (1801-1973) foi um pintor espanhol. A Pomba da Paz, Guernica, L...
  • Cândido Portinari (1903-1962) foi um pintor brasileiro, com quase cinco mil o...
  • Vincent van Gogh Van Gogh (1853-1890) foi um importante pintor holandês, um dos maiores repres...
  • Di Cavalcanti (1897-1976) foi pintor brasileiro. Um dos primeiros artistas a...
  • Rafael Sanzio (1483-1520) foi um pintor italiano, uma das grandes expressões...
  • Claude Monet (1840-1926) foi um pintor francês, considerado um dos mais impor...
  • Salvador Dalí (1904-1989) foi um pintor espanhol que se destacou por suas com...
  • Edvard Munch (1863-1944) foi um pintor e gravador norueguês, um dos maiores e...

Última atualização: 04/04/2016