Leonhard Euler

Matemático e cientista suíço

Biografia de Leonhard Euler

Leonhard Euler (1707-1783) foi um importante matemático e cientista suíço, foi considerado um dos maiores estudiosos da matemática, em sua época. Sua contribuição teve como um dos pilares a Introdução à Análise dos Infinitos, obra que constitui um dos fundamentos da matemática moderna.

Leonhard Euler nasceu na Basileia, Suíça, no dia 15 de abril de 1707. Filho de Paul Euler, ministro protestante e Margaret Brucker, com um ano de idade mudou-se com a família para a cidade de Riehen, onde passou grande parte de sua infância.

Euler foi educado por seu pai que lhe ensinou os primeiros conceitos da matemática. Com sete anos começou a estudar com um professor particular e a ler textos diversos.

Em 1720, com 13 anos de idade, Leonhard Euler retornou para a Basileia para estudar e se preparar para o curso de Teologia na Universidade local.

Em 1723, com 16 anos, recebeu o grau de Mestre em Artes, com uma dissertação que comparava os sistemas de Filosofia Natural de Newton e Descartes.

Atendendo ao desejo da família, Leonhard Euler matriculou-se na Faculdade de Teologia. Embora muito religioso ele não se mostrou entusiasmado com o estudo de Teologia e nas horas vagas se dedicava ao estudo da matemática.

Formação e carreira acadêmica

Com o incentivo do matemático Johann Bernoulli, que descobriu seu talento para a matemática, Euler ingressou no curso de matemática concluído em 1726.

Graças às relações de amizade com os irmãos Nikolaus e Daniel, filhos de Johann, Euler foi convidado pela imperatriz Catarina I para membro da Academia de Ciências de São Petersburgo, em 1727.

Em 1730, Leonhard Euler assumiu o cargo de professor de Física da Academia, e em 1733 substituiu Daniel Bernoulli como professor de Matemática.

Em 1734 se casou com a suíça Katharina Gsell e juntos tiveram 13 filhos, mas apenas cinco sobreviveram. Nessa época, Euler publicou diversos textos, entre eles, o livro “Mecânica” (1736-37), quando apresentou extensivamente a dinâmica Newtoniana na forma de análise matemática.

Em 1741, o rei Frederico II da Prússia convidou-o para lecionar em Berlim. Euler assumiu então a cadeira de matemática da Academia de Berlim, onde permaneceu durante 25 anos. Em 1744 foi nomeado diretor da seção de Matemática da Academia.

Nessa época, deu aulas de física à princesa de Anhalt-Dessau, sobrinha do rei, lições que publicaria mais tarde nas famosas Cartas a uma Princesa da Alemanha (1772).

Cego da vista direita em consequência de uma congestão cerebral ocorrida em 1735, Euler ficou completamente cego ao operar uma catarata no olho esquerdo. Esse infortúnio não o abateu, prosseguindo com seus trabalhos, ajudado por seu filho mais velho.

Realizações de Euler

Leonhard Euler dedicou-se a quase todos os ramos da matemática. Entre suas contribuições mais conhecidas na matemática moderna estão: a introdução da função gama, a analogia entre o cálculo infinitesimal e o cálculo das diferenças finitas, quando discutiu minunciosamente todos os aspectos formais do Cálculo Diferencial e Integral, da época.

Foi o primeiro matemático a trabalhar com as funções seno e cosseno. Em 1760, iniciou o estudo das linhas de curvatura e começou a desenvolver um novo ramo da matemática denominado Geometria Diferencial.

Uma de suas maiores realizações foi o desenvolvimento do método dos algoritmos com o qual conseguiu, por exemplo, fazer a previsão das fases da lua, com a finalidade de obter informações para a elaboração de tabelas para ajudar o sistema de navegação.

Durante sua permanência em Berlim, Euler escreveu mais de 200 artigos sobre Física, Matemática e Astronomia e três livros de análise matemática.

Quando Euler morreu, ainda em plena atividade, sua fama já se espalhara por toda a Europa. Euler foi considerado o mestre dos matemáticos do século XVIII.

Leonhard Euler faleceu em São Petersburgo, Rússia, no dia 18 de setembro de 1783.  

Veja também as biografias de:
  • Daniel Bernoulli (1700-1782) foi um importante matemático, físico e professor...
  • André-Marie Ampère (1775-1836) foi um importante físico, cientista e matemáti...
  • Marvin Minsky (1927-2016) foi cientista da computação e matemático norte-amer...
  • Jean-Jacques Rousseau (1712-1778) foi um filósofo social e teórico político s...
  • Paul Klee (1879-1940) foi um pintor suíço, naturalizado alemão, considerado u...
  • Carl Gustav Jung (1875-1961) foi um psiquiatra suíço, fundador da escola da P...
  • Ferdinand de Saussure (1857-1913) foi um importante linguista suíço, estudios...
  • Roger Federer (1981) é um tenista suíço, um dos melhores jogadores de todos o...
  • Le Corbusier (1887-1965) foi um arquiteto, urbanista e pintor franco-suíço. F...
  • Isaac Newton (1643-1727) foi um cientista inglês. Descobriu a Lei da Gravitaç...

Última atualização: 19/03/2020

Dilva Frazão
Possui bacharelado em Biblioteconomia pela UFPE e é professora do ensino fundamental. Desde 2008 trabalha na redação e revisão de conteúdos educativos para a web.