Horácio

Poeta romano

Biografia de Horácio

Horácio (65 a.C.-8 a.C.) foi um poeta lírico, satírico e moralista político, o primeiro literato profissional romano. Exerceu enorme influência sobre toda a literatura ocidental.

Quinto Horácio Flanco nasceu em Venúsia, posteriormente Venosa, Itália, no dia 8 de dezembro de 65 a.C. Filho de um escravo emancipado e funcionário público financiou seus estudos em Roma e depois em Atenas.

Após o assassinato de Júlio César, em 44 a.C., uniu-se ao grupo republicano e comandou uma legião do exército de Brutus na batalha de Filipos, na Grécia. Apesar da derrota, voltou para Roma graças a uma anistia.

Passou graves dificuldades financeiras até conseguir um cargo administrativo. Começou a escrever seus versos e entrou para os círculos literários, sob a proteção do influente Caio Mecenas. Tornou-se amigo de Virgílio.

Horácio foi o primeiro literato profissional romano. Ele aceitava ajuda, como a pequena propriedade nos montes Sabinos que lhe recebeu de Mecenas, mas evitava imposições que pudessem vir a afetar sua integridade.

Os poemas de Horácio

A obra de Horácio compreende quatro livros de odes, um de epodos, dois de sátiras, dois de epístolas, um hino e uma carta.

Instalado em sua vila nos montes Sabinos, Horácio se dedicava a observar e comentar a vida romana. Primeiro nos epodos que formam uma coleção de 17 poemas escritos entre 41 e 31 a.C.

Seu primeiro livro de “Sátiras” (35 a.C.), contém dez poemas em que discute questões éticas. O segundo livro de sátiras foi publicado em 30 a.C.

Sua obra-prima são os três livros de poemas líricos, as “Odes”, de 23 a.C., complementados por um quarto volume de 13 a.C.

Algumas das odes são dedicadas ao nacionalismo estimulado por Augusto. Para o imperador, compôs o “Canto Secular”, hino de caráter litúrgico dedicado a Apolo e Diana.

Poetizando a realidade romana, criou versos que exaltavam a política imperial. Pessoalmente valorizou o indivíduo e a elite.

Os dois livros de epístolas, cheias de sabedoria, são expressões da filosofia estoica. O primeiro, de 20 a.C., contém vinte cartas familiares escritas em tom filosófico, em que o poeta recomenda certas regras de conduta e uma vida estoica.

No segundo livro há duas longas cartas de crítica literária, em que Horácio estabelece os princípios da poesia augusta, descreve a função do poeta e enumera as regras da tragédia em Roma.

Na carta dedicada à família dos Pisões, mais conhecida como “Arte Poética”, a pretexto de dar conselho aos jovens que desejam ser poetas, resume as normas do Classicismo. Recomenda que evitem os excessos, dizendo:

“há uma medida em todas as coisas”

Horácio exerceu influência enorme sobre toda a literatura ocidental. A estética de Horácio se define pela precisão dos metros, pela sobriedade de expressão e pela serenidade diante da vida.

Um dos últimos representantes dessa tendência foi Ricardo Reis, um dos heterônimos de Fernando Pessoa.

Horácio faleceu em Roma, no dia 27 de novembro do ano 8 a.C.

Frases de Horácio

  • Quem começou, tem metade da obra executada.
  • Quando a casa do vizinho está pegando fogo, a minha casa está em perigo.
  • Quem tem confiança em si próprio comanda os outros.
  • O pinheiro mais alto é aquele que o vento agita mais vezes.
  • A duração breve da nossa vida proíbe-nos de alimentar uma esperança longa.

Última atualização: 04/03/2020

Dilva Frazão
Possui bacharelado em Biblioteconomia pela UFPE e é professora do ensino fundamental. Desde 2008 trabalha na redação e revisão de conteúdos educativos para a web.
Veja também as biografias de:
  • Nero (37 – 68) foi imperador romano entre os anos de 54 e 68 da era cristã. F...
  • Cláudio Galeno (129-199) foi um médico grego, um dos mais importantes da Anti...
  • Adriano (Imperador romano) (76-138) foi o terceiro imperador romano, da Dinas...
  • Pôncio Pilatos foi um governador romano, da província da Judeia, que condenou...
  • Calígula (12-41) foi um imperador romano que governou entre os anos 37 e 41 d...
  • Constantino (272-337) foi o primeiro imperador cristão de Roma. Iniciou a con...
  • Marco Túlio Cícero (107 a.C. - 43 a.C.) foi um importante filósofo, escritor...
  • Tibério (42 a. C. – 37) foi o segundo imperador romano, governou entre 14 e 3...
  • Marco Aurélio (Imperador romano) (121-180) foi imperador romano entre os anos...
  • Augusto (Otávio ) (63 a. C-14) foi o primeiro imperador romano. Govern...